Mercado fechado

Crimes digitais aumentam no Brasil; estelionato dispara 180%

Crime de estelionato e roubos de celulares cresceram no ano de 2021
Crime de estelionato e roubos de celulares cresceram no ano de 2021
  • Estelionatos e roubos de celulares cresceram no período;

  • Crime de estelionato digital só passou a ser tipificado em maio de 2021;

  • Digitalização das finanças no período de pandemia facilitou esse tipo de crime.

Foi divulgado nesta terça-feira o Anuário Brasileiro de Segurança Pública, documento que detalha os dados dos crimes cometidos no Brasil. O deste ano veio com uma boa notícia para a população, a taxa de roubos totais no Brasil, por 100 mil habitantes, diminuiu 3,9% em 2021, em relação a 2020. A estatística acompanha a tendência dos últimos anos.

No entanto, um outro dado se revela preocupante. Apesar do número de assaltos na rua ter caído em 7,5%, o número de roubos de celulares aumentou em 1,8%, enquanto a taxa de estelionato cresceu 179,9%, o que demonstra uma migração das atividades criminosas para o ambiente digital. Um total de 847,3 mil celulares foram roubados no ano passado, o equivalente a 1,6 celular por minuto no Brasil.

"A digitalização das finanças, de serviços e do comércio, especialmente impulsionada durante o período pandêmico, contribui com a formação de um ambiente propício ao desenvolvimento de modalidades criminosas que exploram vulnerabilidades nesses segmentos", dizem os pesquisadores do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, David Marques e Amanda Lagreca.

Esse tipo de crime só passou a ser tipificado em maio de 2021, porém muitos estados já conseguem fazer a mensuração adequada, ainda que com limitações. Neste Anuário, o primeiro a ter esse levantamento, mostrou um registro de 60.590 casos de estelionato por fraude eletrônica.

"Esse processo tem associado as modalidades de roubos e furtos de celulares aos crimes de estelionato e, mais especificamente do estelionato digital, nos quais a vítima é induzida a realizar transferências, ou ainda, quando da subtração do celular com acesso a aplicativos bancários, tem quantias retiradas de sua conta bancária, ou tem compras ou empréstimos financeiros realizados em seu nome", afirmaram os pesquisadores.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos