Mercado fechado

As casas mal-assombradas do cinema que existem de verdade

Rafael Monteiro
·3 minutos de leitura
O hotel de O Iluminado e a casa de O Exorcista estão à sua espera para uma visitinha (reprodução)
O hotel de O Iluminado e a casa de O Exorcista estão à sua espera para uma visitinha (reprodução)

Casas mal-assombradas são um elemento importante dos filmes de terror. O que pouca gente sabe é que muitas delas existem na vida real - algumas, aliás, até permitem visitas do público.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Google News

Para quem ama os filmes de gênero, separamos alguns destes exemplos. Para quem gosta de sentir medo e assuntos sobrenaturais, eis algumas boas opções de tour para quando sair da covid-19.

Leia também

A Maldição da Residência Hill

A série de terror da Netflix, que está prestes a ganhar uma segunda temporada intitulada “A Maldição da Mansão Bly”, agradou o público contando os acontecimentos estranhos de uma casa mal-assombrada. O imóvel foi encontrado pela produção em andanças pelos Estados Unidos e praticamente não foi alterado. "Ela existe. Sim, nós procuramos por meses na Georgia, e achamos essa casa do jeito que estava. Nem mexemos nela. Não podíamos gravar lá dentro. Nós só usamos o exterior dela. Nós descobrimos no meio da floresta, no meio de La Grange, Ga., sozinha e simplesmente nos apaixonamos por ela. Eu elmbro que saímos da van de pesquisa e todo mundo ficou quieto porque aquela casa não deveria estar ali. Era essa casa linda, mas estranha e esquizofrênica. É estranho. Não pertence ali, e todos nós andamos em círculo ao redor dela e ninguém falou nada por alguns minutos, e quando voltamos para a van, foi tipo, ‘Isso é perfeito'”, contou o diretor e showrunner Mike Flanagan em entrevista à Entertainment Weekly.

O Exorcista

A casa onde o filme foi gravado fica em Georgetown, em Washington, capital dos Estados Unidos. Em 2015, a residência sofreu até um sessão de descarrego do canal Destination America. Além da casa, vale visitar as icônicas escadarias vistas no filme: elas ficam na rua 36, no mesmo bairro.

A Hora do Pesadelo

A escola vista no filme com Freddy Krueger fica na rua Tracy, número 3939, em Los Angeles, nos Estados Unidos. Apesar de ser lembrado pelo longa de terror, o colégio John Marshall não é exatamente mal-assombrado, tendo sido locação de outros filmes, como “Grease - Nos Tempos da Brilhantina” (1978) e até mesmo a série "Buffy: A Caça Vampiros".

Horror em Amityville

Agora sim uma história macabra. Além das cenas do filme, a casa localizada em Ocean Avenue, número 112, Amityville, no estado de Long Island, nos Estados Unidos, é lembrada como local de um crime bárbaro acontecido no dia 13 de novembro de 1974,: Ronald Jr. matou a tiros os seus pais, Ronald e Louise, e quatro irmãos, Dawn, de 18 anos, Allison, de 13, Marc, de 12 anos, e John, de 9. Porém, o crime até hoje causa dúvidas: nenhum dos corpos encontrados na casa apresentou sinais de resistência. Ainda que eles estivessem dormindo, foram muitos tiros para que ninguém acordasse. Teriam os membros da família aceitado a morte?

O Iluminado

O Stanley Hotel, localizado em Oregon, nos Estados Unidos, recebe muitas visitas dos fãs do clássico de Stanley Kubrick. Aproveitando a demanda, o espaço costuma promover (em tempos não-pandêmicos) um grande tour de terror, com sessões do filme e discussões entre fãs. A curiosidade é que o quarto 237 foi criado exclusivamente para o longa, com o intuito de não fazer com que o lugar ganhasse a fama de mal-assombrado (no livro, o número é 217). O efeito foi o contrário: hoje em dia, as chaves do 237 são disparadas as mais requisitadas pelos visitantes.

Siga o Yahoo Vida e Estilo no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário.