Mercado fechará em 5 h 8 min
  • BOVESPA

    113.821,24
    -356,30 (-0,31%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    55.164,01
    +292,65 (+0,53%)
     
  • PETROLEO CRU

    82,14
    +1,13 (+1,39%)
     
  • OURO

    1.933,10
    +3,10 (+0,16%)
     
  • BTC-USD

    22.923,57
    -164,01 (-0,71%)
     
  • CMC Crypto 200

    519,23
    -7,95 (-1,51%)
     
  • S&P500

    4.060,43
    +44,21 (+1,10%)
     
  • DOW JONES

    33.949,41
    +205,57 (+0,61%)
     
  • FTSE

    7.762,89
    +1,78 (+0,02%)
     
  • HANG SENG

    22.688,90
    +122,12 (+0,54%)
     
  • NIKKEI

    27.382,56
    +19,81 (+0,07%)
     
  • NASDAQ

    12.064,50
    -42,25 (-0,35%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5087
    -0,0110 (-0,20%)
     

Artemis 1: Cápsula Órion fotografa Terra do 'espaço profundo'

Artemis 1: Cápsula Órion fotografa a Terra diretamente do espaço profundo (Foto: NASA via AP)
Artemis 1: Cápsula Órion fotografa a Terra diretamente do espaço profundo (Foto: NASA via AP)
  • As novas visualizações do Artemis 1 foram capturadas através das câmeras acopladas na espaçonave Orion;

  • A espaçonave está próxima de estar a a 435.000 quilômetros da Terra;

  • Os vídeos e fotos da missão também serão usados como base de futuros empreendimentos do programa Artemis.

A NASA está publicando novas visualizações do Artemis 1 através das câmeras acopladas na espaçonave Orion , que está próxima de estar a 435.000 quilômetros da Terra. A Orion está voando em uma órbita lunar retrógrada distante, o que significa que está longe da lua e orbitando em oposição ao caminho da lua ao redor da Terra.

É possível acompanhar as imagens da missão lunar em tempo real através deste feed ao vivo da IBM.

As vistas épicas não são apenas sobre inspiração espacial. Os vídeos e fotos da missão também serão usados como base de futuros empreendimentos do programa Artemis. A NASA quer garantir que a espaçonave esteja pronta para levar humanos para futuras missões lunares, com os dois próximos da fila sendo o Artemis 2 dando uma volta ao redor da lua em 2024 ou mais, e o Artemis 3 colocando pessoas na superfície em 2025 ou 2026.

Embora muitas missões do programa Apollo tenham sido transmitidas daquela região nas décadas de 1960 e 1970, a nova filmagem é a transmissão ao vivo de mais alta definição além da lua até o momento.

Talvez o exemplo mais famoso tenha sido uma transmissão da Apollo 8 na véspera de Natal em 24 de dezembro de 1968, que exibiu imagens em preto e branco da lua quando os astronautas da NASA Frank Borman, Jim Lovell e Bill Anders se tornaram os primeiros humanos a circundar a lua. .

Orion está programado para retornar à Terra em 11 de dezembro com um mergulho na costa da Califórnia, no Oceano Pacífico, assumindo que todos os marcos continuam conforme o planejado.