Mercado fechado
  • BOVESPA

    111.910,10
    -701,55 (-0,62%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.661,86
    +195,84 (+0,39%)
     
  • PETROLEO CRU

    87,29
    +0,68 (+0,79%)
     
  • OURO

    1.790,10
    -3,00 (-0,17%)
     
  • BTC-USD

    37.821,17
    +1.050,16 (+2,86%)
     
  • CMC Crypto 200

    863,83
    +21,37 (+2,54%)
     
  • S&P500

    4.431,85
    +105,34 (+2,43%)
     
  • DOW JONES

    34.725,47
    +564,69 (+1,65%)
     
  • FTSE

    7.466,07
    -88,24 (-1,17%)
     
  • HANG SENG

    23.550,08
    -256,92 (-1,08%)
     
  • NIKKEI

    26.717,34
    +547,04 (+2,09%)
     
  • NASDAQ

    14.430,25
    +443,50 (+3,17%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,9813
    -0,0427 (-0,71%)
     

Arrecadação federal desacelera e cresce 1,4% em novembro

·1 min de leitura
***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP, 21.02.2019 - Still de mãos segurando cédulas de real, moeda oficial brasileira. (Foto: Gabriel Cabral/Folhapress)
***ARQUIVO***SÃO PAULO, SP, 21.02.2019 - Still de mãos segurando cédulas de real, moeda oficial brasileira. (Foto: Gabriel Cabral/Folhapress)

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - A Receita Federal registrou uma arrecadação de R$ 157,3 bilhões em novembro, um crescimento real de 1,41% em relação igual mês do ano passado. Embora positivo, o resultado representa o menor crescimento frente a 2020 desde janeiro.

Os dados, divulgados nesta terça-feira (21), foram impactados pela retração observada na produção industrial e na venda de bens.

Também puxaram os números para baixo as chamadas compensações tributárias, quando empresas abatem dívidas com a União usando créditos a que têm direito perante o Fisco (principalmente devido a decisões judiciais).

Só em novembro, as compensações tributárias tiraram R$ 14,9 bilhões da arrecadação federal.

Antes de novembro, o pior resultado na comparação com 2020 tinha sido o mês de janeiro. Na época, foi registrada uma queda de 1,5% na arrecadação frente a igual mês do ano anterior.

No acumulado do ano, a arrecadação chegou a R$ 1,684 trilhão. O valor representa um crescimento real de 18,1% frente ao mesmo período do ano anterior.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos