Mercado fechará em 6 h 18 min
  • BOVESPA

    109.760,06
    -820,73 (-0,74%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.304,04
    0,00 (0,00%)
     
  • PETROLEO CRU

    110,56
    +0,79 (+0,72%)
     
  • OURO

    1.852,20
    -13,20 (-0,71%)
     
  • BTC-USD

    29.745,73
    +547,92 (+1,88%)
     
  • CMC Crypto 200

    661,93
    -9,07 (-1,35%)
     
  • S&P500

    3.948,41
    +6,93 (+0,18%)
     
  • DOW JONES

    31.944,25
    +15,63 (+0,05%)
     
  • FTSE

    7.518,13
    +33,78 (+0,45%)
     
  • HANG SENG

    20.171,27
    +59,17 (+0,29%)
     
  • NIKKEI

    26.677,80
    -70,34 (-0,26%)
     
  • NASDAQ

    11.749,75
    -21,25 (-0,18%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1470
    -0,0252 (-0,49%)
     

Arquivo 81 | O prédio Visser é real?

·2 min de leitura

Em Arquivo 81, a mais nova série sobrenatural original da Netflix, a história se passa em um edifício chamado Visser, em Nova York. Muitas coisas estranhas aconteceram por lá, nos mostrando que o prédio conta com um passado não só intrigante, mas assustador. Ao final da série, você deve ter se perguntado se o local realmente existiu ou se é só mais um elemento de ficção, certo?

No Visser, Melody Pendras (Dina Shihabi) passou dias com uma câmera na mão registrando o que acontecia por lá para produzir um documentário. Porém, um desastre fez com que as fitas fossem danificadas e, mais de 20 anos depois, Dan Turner (Mamoudou Athie) foi recrutado para restaurar o material. É quando ele percebe que existe uma relação do acontecido com algo sobrenatural e tenta investigar.

<em>Na série, Melody gravou diversas fitas no prédio, mas elas foram destruídas (Imagem: Divulgação/Netflix)</em>
Na série, Melody gravou diversas fitas no prédio, mas elas foram destruídas (Imagem: Divulgação/Netflix)

O Visser existe?

No decorrer dos episódios de Arquivo 81, vemos que Melody entrevista alguns moradores do Visser, um mais estranho que o outro. Isso pode até causar a impressão de que os depoimentos são baseados em acontecimentos reais, ainda que a série seja completamente irreal, e que o prédio existiu de verdade. Porém, não só as histórias são inventadas, como o edifício também é fictício.

<em>Dan restaura as fitas gravadas por Melody no Visser (Imagem: Divulgação/Netflix)</em>
Dan restaura as fitas gravadas por Melody no Visser (Imagem: Divulgação/Netflix)

Por mais intrigante e complexo que seja o Visser, o prédio é totalmente inventado para a série, incluindo sua localização. A série conseguiu recriar a ideia de um edifício com corredores assustadores e elementos curiosos, fazendo as gravações em diferentes localidades.

Já a parte de fora do prédio existe, aparecendo diversas vezes enquanto Melody está na rua. As gravações foram feitas em um prédio chamado First Avenue Lofts, localizado no centro da cidade de Pittsburgh e não em Nova York. Você pode até visualizar a parte externa do local no Google Street View.

Já a parte interior do Visser foi feita pela equipe cenográfica da série, assim como outras localidades, como a casa em que Dan está fazendo a restauração das fitas. Esses cenários também foram construídos em diferentes locais do estado da Pensilvânia, nos EUA.

Arquivo 81 está disponível na Netflix em oito episódios.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos