Mercado fechado
  • BOVESPA

    121.880,82
    +1.174,91 (+0,97%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.219,26
    +389,95 (+0,80%)
     
  • PETROLEO CRU

    65,51
    +1,69 (+2,65%)
     
  • OURO

    1.844,00
    +20,00 (+1,10%)
     
  • BTC-USD

    48.046,22
    -3.001,17 (-5,88%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.398,33
    +39,77 (+2,93%)
     
  • S&P500

    4.173,85
    +61,35 (+1,49%)
     
  • DOW JONES

    34.382,13
    +360,68 (+1,06%)
     
  • FTSE

    7.043,61
    +80,28 (+1,15%)
     
  • HANG SENG

    28.027,57
    +308,90 (+1,11%)
     
  • NIKKEI

    28.084,47
    +636,46 (+2,32%)
     
  • NASDAQ

    13.398,00
    +297,75 (+2,27%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4040
    -0,0085 (-0,13%)
     

Ariel Holan: "O goleiro tem de atuar como um jogador de linha"

LANCE!/DIÁRIO DO PEIXE
·1 minuto de leitura


Pouco mais de um mês após do técnico Ariel Holan ao Santos, o time já mostra em campo algumas características do treinador. Uma delas é o início das jogadas com o goleiro, pelo chão. Em entrevista exclusiva ao LANCE!/DIÁRIO DO PEIXE, o técnico argentino deixou claro que não pretende abrir mão desse tipo de construção.

> Confira a classificação atualizada do Campeonato Paulista

- Hoje no futebol moderno, em todos os grandes clubes do mundo, a jogada começa com o goleiro e o goleiro tem de atuar como um jogador de linha. É muito importante para o nosso sistema de jogo que o goleiro trabalhe com os pés - afirmou o treinador.

Em 2019, quando chegou ao Santos, o técnico Jorge Sampaoli pediu a contratação de Everson justamente pelo fato de o goleiro ter habilidade com os pés. Pela proibição pelo transferban ou não, Ariel Holan pretende desenvolver os goleiros do Peixe na função. Ele destaca que o trabalho dos goleiros com os pés precisa começar nas categorias de base do clube.

- Vladimir, Jhon, João Paulo, Diógenes, Paulo Mazzotti estão trabalhando muito e vão melhorar em pouco tempo. É uma função que precisa trabalhar desde pequeno. E eles precisam ter a liberdade de chutar para frente e ou para fora quando foi preciso -- afirmou o treinador, antes de brincar sobre a posição.

- Mas primeiro eles precisam defender as bolas que vão no meio do gol, isso é muito importante - disparou.