Mercado abrirá em 1 h 15 min
  • BOVESPA

    120.061,99
    -871,79 (-0,72%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.867,62
    +338,65 (+0,70%)
     
  • PETROLEO CRU

    61,00
    -0,35 (-0,57%)
     
  • OURO

    1.787,40
    -5,70 (-0,32%)
     
  • BTC-USD

    54.914,21
    -230,59 (-0,42%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.276,57
    +13,61 (+1,08%)
     
  • S&P500

    4.173,42
    +38,48 (+0,93%)
     
  • DOW JONES

    34.137,31
    +316,01 (+0,93%)
     
  • FTSE

    6.902,42
    +7,13 (+0,10%)
     
  • HANG SENG

    28.755,34
    +133,42 (+0,47%)
     
  • NIKKEI

    29.188,17
    +679,62 (+2,38%)
     
  • NASDAQ

    13.897,25
    -22,00 (-0,16%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6483
    -0,0537 (-0,80%)
     

Argentina reporta maior número de casos de Covid em um dia desde janeiro

·2 minuto de leitura
Argentina reporta maior número de casos de Covid em um dia desde janeiro

A Argentina reportou nesta sexta-feira quase 13 mil casos de Covid-19, o maior número em apenas um dia desde meados de janeiro. O governo anuciou a suspensão dos voos procedentes de Brasil, México e Chile, para reduzir a transmissão da doença.

Segundo o Ministério da Saúde, foram registrados hoje 12.936 casos e 143 óbitos. O país soma 2,29 milhões de infectados e 55.235 mortos desde o começo da pandemia. Um total de 55,1% dos leitos de UTI estão ocupados, índice que aumenta para 58,6% em Buenos Aires e periferia, onde vivem 15 milhões dos 44 milhões de argentinos.

Também foram suspensos os voos com origem no Reino Unido e na Irlanda do Norte. O controle e as exigências de teste para os argentinos que retornam ao país foram reforçados.

As fronteiras estão fechadas para o turismo desde dezembro. Na semana passada, o governo pediu aos argentinos que evitem viagens ao exterior, para minimizar a entrada de novas variantes de coronavírus no país. Uma centena de adolescentes que retornaram de uma viagem de formatura ao México na semana passada testaram positivo para Covid ao desembarcarem no aeroporto de Ezeiza, apesar de terem apresentado testes negativos no embarque.

- Novo lote de Sputnik V -

Nesta sexta-feira, chegou a Buenos Aires um carregamento do componente 1 de vacinas Sputnik V. Com esse envio de Moscou, a Argentina recebeu em oito dias 1,2 milhão de doses desse imunizante, que se somam aos 2,47 milhões de doses da mesma origem que já haviam chegado.

O país, que começou a vacinar sua população em 29 de dezembro, já recebeu 5.250.540 de doses de três vacinas diferentes, segundo um comunicado oficial. Até hoje, haviam sido aplicadas 3.474.415 milhões de doses e 650.000 pessoas já receberam as duas doses.

ls/gm/lb