ArcelorMittal nega que demitirá trabalhadores na França

A ArcelorMittal prometeu neste sábado investir 180 milhões de euros nos próximos cinco anos em sua unidade em Florange, na França, um dia após ter fechado acordo com o governo francês sobre o futuro da empresa na cidade.

O grupo também disse que não irá demitir os trabalhadores da unidade e negociar com as uniões como "tratar as consequências sociais do projeto".

O primeiro-ministro Jean-Marc Ayrault disse no final da noite de sexta-feira que o governo abandonou sua ideia de restaurar o funcionamento dos dois fornos que a ArcelorMittal quer fechar no complexo de Florange.

Ayrault disse à empresa que concorda em guardar os fornos em vez de fechá-los, para continuar a explorar a possibilidade de uso do equipamento como parte de um projeto experimental de estoque de dióxido de carbono.

"Após vários meses de incertezas é positivo que tenhamos chegado a um acordo sobre o futuro de nosso negócio em Florange", afirmou Henri Blaffart, principal executivo da ArcelorMittal na Europa. As informações são da Dow Jones.

Carregando...