Mercado abrirá em 9 h 38 min
  • BOVESPA

    106.858,87
    +1.789,18 (+1,70%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.605,56
    +8,27 (+0,02%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,01
    +0,52 (+0,75%)
     
  • OURO

    1.780,50
    +1,00 (+0,06%)
     
  • BTC-USD

    50.836,99
    +1.789,54 (+3,65%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.313,88
    +53,72 (+4,26%)
     
  • S&P500

    4.591,67
    +53,24 (+1,17%)
     
  • DOW JONES

    35.227,03
    +646,95 (+1,87%)
     
  • FTSE

    7.232,28
    +109,96 (+1,54%)
     
  • HANG SENG

    23.630,28
    +280,90 (+1,20%)
     
  • NIKKEI

    28.266,95
    +339,58 (+1,22%)
     
  • NASDAQ

    15.862,50
    +19,75 (+0,12%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4236
    0,0000 (0,00%)
     

Arcane: as referências e easter eggs na série de LoL da Netflix

·20 min de leitura

A primeira temporada completa de Arcane, série animada da Netflix, já está entre nós, conquistando e chamando a atenção tanto de quem é fã de League of Legends quanto de quem ainda não explorou Runeterra. E como o mundo de LoL é rico em personagens, histórias e conceitos, alguns detalhes escondidos na animação podem passar despercebidos pelos espectadores.

Pensando nisso, o Canaltech listou a seguir todas as referências e easter eggs sobre o universo da franquia que encontramos em Arcane. Porém, atenção: o texto contém alguns spoilers dos nove episódios da série. Além disso, vale lembrar que todas as especulações presentes no texto ainda não foram confirmadas pela Netflix ou pela Riot Games, ok?

Segredos do Ato 1 de Arcane

Todos os campeões de LoL que aparecem na série:

Imagem: Reprodução/Netflix
Imagem: Reprodução/Netflix

Boa parte dos campeões que aparecem na história, estão em destaque: Jayce, Heimerdinger, Viktor, Vi, Caitlyn e Jinx são os personagens que fazem parte da trama e integraram a divulgação da série. Porém, outras figuras conhecidas do universo de LoL fizeram uma breve ponta na animação.

Dentre eles, está Ekko. O menino inventor que conseguiu descobrir uma forma de quebrar o tempo aparece como um dos personagens secundários na história. Como um dos amigos de Powder e Vi, ele está durante os três primeiros episódios que compõem o Ato 1.

Imagem: Reprodução/Netflix
Imagem: Reprodução/Netflix

Mostrada bem brevemente, podemos ver Sona em um outdoor pichado por Mylo, um dos irmãos adotivos de Vi e Powder. Na cena, a protagonista conta uma história sobre como ele desenhou um dedo do meio no cartaz e acabou rendendo uma situação engraçada com a lata de tinta. No outdoor, dá para ver o rosto da campeã em destaque. No universo de LoL, ela é conhecida por ser uma grande musicista.

Imagem: Reprodução/Netflix
Imagem: Reprodução/Netflix

Dois campeões estão presentes na série, mas seus nomes não são citados na história. Um deles é Singed. O químico louco de Zaun aparece trabalhando para Silco — e se você prestar atenção nos créditos, o nome do campeão aparece por lá. Outro que faz uma participação em Arcane, de forma mais misteriosa ainda, pode ser Ryze. Ao que tudo indica, é o mago rúnico que salva Jayce e sua mãe, usando a habilidade de se teletransportar, bem parecida com a ultimate do campeão.

Imagem: Reprodução/Netflix
Imagem: Reprodução/Netflix

O conceito das habilidades é o mesmo, e a estética casa com a do Mago Rúnico, que na história se torna um peregrino atrás das Runas Globais para impedir que a magia volte a causar caos em Runeterra. Ao mesmo tempo, alguns detalhes não batem com as atitudes de Ryze.

Imagem: Reprodução/Netflix
Imagem: Reprodução/Netflix

Além de excluirmos que Ryze é um ser roxo (ou azul) há vários séculos, o personagem não utiliza cajados ou algo do tipo. Em uma história em quadrinhos que fala sobre seu tempo ensinando Brand, outro campeão do LoL, ele chega a comentar que cajados e varinhas são desnecessários. Outra coisa que chama a atenção é que ele entrega uma runa nas mãos de Jayce, o que não faz muito sentido com os costumes dele.

Imagem: Reprodução/Netflix
Imagem: Reprodução/Netflix

A missão de vida de Ryze é proteger as runas globais, defender o equilíbrio do arcano e impedir que ele caia em mãos erradas. Mesmo que aquela runa pudesse não ter nenhum poder, é bem difícil de acreditar que o personagem ofereceria o item para alguém desconhecido. Além disso, o pergaminho que o campeão protege, não aparece em Arcane.

Pode ser que a Riot esteja mudando a origem do campeão para a história? Talvez, mas, ao mesmo tempo, é difícil saber se este é Ryze ou não.

Origens reveladas?

Imagem: Montagem/Igor Pontes/Canaltech
Imagem: Montagem/Igor Pontes/Canaltech

Uma teoria que vem ganhando força entre os fãs de LoL é a de que Vander, figura paterna de Vi e Jinx, será transformado no Warwick, um Lobisomem modificado com Quimtec, a tecnologia criada por Singed. Na história atual de League of Legends, Warwick era um antigo mercenário que abandonou sua vida antiga em busca de sossego, mas teria sido usado por Singed como cobaia em seus experimentos.

A pesquisa de Singed, que usa um líquido violeta e transforma seres em criaturas com feixes de luz roxos correndo pelo corpo como se fossem veias, também lembra muito o tipo de experimento que criou o Dr. Mundo, outro campeão bestial que vem da região de Zaun dentro de League of Legends. Será que Arcane contará as origens destes dois campeões? Só o tempo dirá.

Lua Sangrenta em Zaun?

Imagem: Montagem/Igor Pontes/Canaltech
Imagem: Montagem/Igor Pontes/Canaltech

Essa aqui é basicamente uma “se você piscar, perde”. Quando Vi, Mylo, Powder e Claggor estão voltando do saque que deu errado em Piltover, a trupe passa por duas figuras bem esquisitas. Uma delas usando uma máscara com um símbolo bem conhecido. Caso você não tenha pescado essa referência, os personagens fazem parte do Culto da Lua Sangrenta, que integram o conjunto de skins que leva o mesmo nome. O símbolo usado pelo grupo serve como oposto aos Lunari, culto que adora a Lua e tem a campeã Diana como uma de seus membros.

O que nos leva à seguinte questão: o que será que membros da Lua Sangrenta estão fazendo em Zaun? Provavelmente, essa é só uma referência rápida ao universo do jogo, mas ainda assim é interessante imaginar o que o grupo estaria aprontando por lá.

Shiro e Kuro, prontos para agir!

Imagem: Montagem/Igor Pontes/Canaltech
Imagem: Montagem/Igor Pontes/Canaltech

Uma das skins mais conhecidas de Jinx é a Guardiã Estelar. O visual é inspirado no gênero Mahou Shoujo, ou Garotas Mágicas, que conta com animações como Sailor Moon e Madoka Magica. Na animação de Burning Bright, que trouxe os novos visuais do conjunto, com Jinx como a skin de destaque, a personagem salva suas companheiras ao dar o golpe final no Baron Na’Shor, criatura do vazio. Tanto na skin quanto na animação, Jinx possui duas asas, uma branca e uma preta, em referência ao nome dado para suas armas nessa skin.

Diferente de Fishbones e Pow-Pow, as armas da personagem se chamam Shiro e Kuro, e representam a personalidade caótica da personagem. Na animação, podemos ver as asas na caixa de invenções de Jinx, ao lado do Coelho que era de Vi.

Imagem: Reprodução/Netflix
Imagem: Reprodução/Netflix

Vale destacar que também há um desenho de Fishbones, o canhão clássico da campeã. A ilustração aparece jogada no chão, no capítulo 3, quando Powder tem um surto. Outra invenção de Jinx que recebe uma referência na série são as mordidinhas flamejantes, espécie de armadilhas que ela utiliza em LoL para prender um adversário no chão por alguns segundos.

Imagem: Reprodução/Netflix
Imagem: Reprodução/Netflix

Referência ao “irmão”

Imagem: Montagem/Igor Pontes/Canaltech
Imagem: Montagem/Igor Pontes/Canaltech

Vi e Powder fazem parte de um grupo que conta com Mylo e Claggor, dois garotos que também foram adotados por Vander e moram na Subferia. Podemos ver no visual atual de Vi em LoL, que ela utiliza os óculos que eram de seu irmão, como uma forma de lembrança de Claggor.

Itens do jogo

Imagem: Reprodução/Netflix
Imagem: Reprodução/Netflix

A loja de Benzo é recheada de itens que aparecem no universo de League of Legends. O clássico Heart of Gold, que não existe mais no jogo, reaparece no seriado como um dos artefatos que Benzo está analisando enquanto conversa com Vander. Porém, esse não é o único item que está presente no cenário.

Imagem: Montagem/Igor Pontes/Canaltech
Imagem: Montagem/Igor Pontes/Canaltech

O Capuz da Morte de Rabadon, item usado por magos no LoL, aparece brevemente encostado em uma das prateleiras da loja, enquanto Ekko está consertando um relógio, na desculpa para ouvir a conversa entre Vander e Benzo. Vale destacar que a versão mostrada é o design antigo do item, quando ainda possuía esses olhos macabros que davam um ar de Chapéu Seletor maligno ao objeto.

Imagem: Reprodução/Netflix
Imagem: Reprodução/Netflix

Reconhece estes itens da imagem acima? Pois é. Eles lembram bastante algumas máscaras icônicas de League of Legends. A primeira, por onde Ekko vigia a conversa, parece ser o acessório de Jhin, o Virtuoso. O curioso é que Ekko usa justamente o olho da máscara que é o mesmo que Jhin também possui.

Já a máscara do meio possui o mesmo visual do antigo item Tormento de Liandry, que atualmente sofreu uma repaginação e se chama Angústia de Liandry. Até mesmo a lágrima de sangue está ali, escorrendo. Por fim, a máscara da direita parece com a versão antiga da Akali Lua Sombria.

Imagem: Reprodução/Netflix
Imagem: Reprodução/Netflix

O capacete de Tryndamere, o Rei Bárbaro de Frejlord, aparece em cima da porta de Benzo. Vale lembrar também que um dos fundadores da Riot Games, Marc Merrill, usa o apelido de Riot Tryndamere, o que pode ser uma dupla homenagem.

Outras referências notáveis

Imagem: Reprodução/Netflix
Imagem: Reprodução/Netflix

No primeiro episódio da série, podemos ver os clássicos cupcakes de Caitlyn em uma das varandas que Vi e seus amigos usam para pular e chegar até o laboratório de Jayce. Em League of Legends, a campeã tem uma habilidade chamada "Armadilha Mecânica Yordle", que vem com um cupcake junto de uma armadilha de urso. Além disso, Vi também chama a Xerife de Piltover carinhosamente de cupcake.

Imagem: Reprodução/Netflix
Imagem: Reprodução/Netflix

Heimerdinger tem uma lembrança desse momento ao falar sobre o Arcano durante o julgamento de Jayce. Essa imagem remete às Guerras Rúnicas, um evento que quase levou à destruição de Runeterra. Na época, magos usaram descontroladamente o poder das Runas Globais, causando caos e quase a extinção do mundo, se não fosse pelos esforços de Ryze, algo que ele continua fazendo até o presente momento da história do jogo. Ele permanece em busca das runas espalhadas por Runeterra para impedir que elas caiam em mãos erradas.

Imagem: Reprodução/Netflix
Imagem: Reprodução/Netflix

Por falar em Heimerdinger, o professor da Academia de Piltover aparenta não estar utilizando o "glamour" durante a série. No mundo de Runeterra, Yordles são uma raça extremamente rara de Adventos de Bandópolis, uma terra mágica que existe além do tempo humano. Para se esconder entre os humanos e não chamar muita atenção, esses seres usam um feitiço para ocultar sua verdadeira aparência.

Mas parece que, em Arcane, Heimerdinger não usa essa técnica. Ao conversar com Jayce, o cientista menciona que tem 307 anos, e seu visual em uma estátua feita pela Academia é igual ao do personagem. O que nos leva a duas situações: ou a Riot resolveu acabar com essa versão da história, ou Heimerdinger de fato prefere não recorrer ao feitiço que preserva a identidade dos pequeninos habitantes de Bandópolis.

Imagem: Reprodução/Netflix
Imagem: Reprodução/Netflix

No começo do primeiro episódio, podemos ver dois comerciantes negociando uma adaga bem parecida com a de Katarina, outra campeã de League of Legends, mas que pertence à região de Noxus. A assassina é conhecida por usar o par de lâminas em combate.

Imagem: Reprodução/Netflix
Imagem: Reprodução/Netflix

Um filhote de Krugue aparece em uma jaula enquanto a turminha de Vi e Powder estão caminhando até o bar de Vander. Ele é um dos monstros neutros que estão presentes na selva de League of Legends e podem ser abatidos para render dinheiro aos jogadores.

Imagem: Montagem/Igor Pontes/Canaltech
Imagem: Montagem/Igor Pontes/Canaltech

No terceiro capítulo da história, Vi está em uma missão para resgatar alguém querido. Durante a luta para fugir do local infestado por mercenários, a personagem dá um gancho em um inimigo, mesmo golpe que ela na animação da temporada de League of Legends de 2020.

Imagem: Reprodução/Netflix
Imagem: Reprodução/Netflix

O Yordle mais fofinho (e mais odiado) também faz uma breve aparição em Arcane. Enquanto estão em um esconderijo para fugir da Polícia de Piltover, Powder aparece jogando em um fliperama que tem uma ilustração de Teemo.

Imagem: Reprodução/Netflix
Imagem: Reprodução/Netflix

Powder possui um macaco de brinquedo que aparece com frequência durante a série, e é responsável por algo que marca a vida da personagem para sempre. Porém, não é a primeira vez que vemos esse macaquinho por aí. No clipe de anúncio da campeã em League of Legends, chamado "Get Jinxed", podemos ver Jinx lá em 2013 enfrentando um macaco gigante de brinquedo no final do vídeo, além de sua aparição constante ao longo do vídeo. Agora, sabemos o motivo do brinquedo ser tão presente na identidade visual da personagem.

Imagem: Reprodução/Riot Games
Imagem: Reprodução/Riot Games

Easter eggs encontrados no Ato 2

As armas de Vi e Viktor

Imagem: Reprodução/Netflix
Imagem: Reprodução/Netflix

Jayce e Viktor possuem duas invenções Hextech apresentadas no Ato 2. As manoplas e a Hexgarra que Viktor e Jayce mostram, são usadas posteriormente no jogo. Viktor usa a Hexgarra como uma de suas habilidades em League of Legends, e é possível ver o artefato em sua arte no game. Já as manoplas que Jayce fala que são para a mineração, se tornam os punhos de Vi — inclusive, o acessório aparece na skin inspirada no visual de Arcane.

O Martelo de Jayce chega a aparecer no trailer final da série, mas não é exibido durante o Ato 2 de Arcane. A expectativa é que a arma do cientista dê as caras em algum momento dos últimos três episódios.

Get Jinxed

Essa é a mais óbvia, mas é sempre bom destacar. A música tema de Jinx, “Get Jinxed”, toca enquanto a personagem está trabalhando em suas invenções antes de ser interrompida por Silco. Vale lembrar que a Fortiche Production, estúdio por trás de Arcane, também trabalhou na animação de "Get Jinxed", o que torna essa homenagem ainda mais divertida.

Visual Clássico

Imagem: Montagem/Igor Pontes/Canaltech
Imagem: Montagem/Igor Pontes/Canaltech

Quando inspeciona as novas invenções de Jayce e Viktor, podemos ver Heimerdinger usando seus clássicos óculos de proteção que acompanham sempre o campeão em League of Legends. Diferente da versão avermelhada que o cientista usa em Summoner’s Rift, em Arcane ele aparece brevemente com uma versão danificada de seu óculos de proteção. Será que, posteriormente, veremos Heimer sempre com seus óculos andando por aí?

Zap e Pow-pow

Imagem: Reprodução/Netflix
Imagem: Reprodução/Netflix

Jinx possui 3 armas em League of Legends. Zap! é sua pistola, que no jogo causa lentidão e dano aos inimigos. Enquanto Pow-pow é uma metralhadora do tipo Gatling que ela carrega por aí. No Ato 2 de Arcane, podemos ver ambas em ação ao lado da personagem. Inclusive no final do sexto episódio, vemos Vi chamar Jinx de “Pow-pow”, que acaba se tornando o nome que ela utiliza para a metralhadora.

Nunca um, sem o outro

Imagem: Reprodução/Netflix
Imagem: Reprodução/Netflix

Quando Vi e Caitlyn entram no bordel para conseguir informações sobre o paradeiro de Silco, um casal aparece usando a máscara dos Kindred, entidade que representa a morte no universo de League of Legends. Representados por uma ovelha e um lobo, a máscara que fica mais em evidência é a do Lobo, já que o personagem chega a receber um "close" enquanto as personagens olham para dentro da cabine. A mulher deitada no colo dele está utilizando a máscara correspondente à ovelha.

O Virtuoso

Imagem: Reprodução/Netflix
Imagem: Reprodução/Netflix

Os fãs de LoL estão sedentos por uma aparição de Jhin em Arcane, mas não foi dessa vez que o Assassino Virtuoso deu as caras na série. O violonista que aparece em cena durante as articulações de Mel e Jayce, é Ray Chen, que trabalha como consultor musical para a Riot Games. É também dele a parte em violino de Awaken, música da temporada de 2019 de League of Legends. O músico ainda faz parte da trilha sonora de Arcane.

Imagem: Reprodução/Netflix
Imagem: Reprodução/Netflix

Mas não é só Ray Chen que aparece em Arcane. A banda Imagine Dragons, responsável pelo tema de abertura da série, aparece nesse episódio cantando "Enemy".

A evolução gloriosa de Viktor

Imagem: Montagem/Igor Pontes/Canaltech
Imagem: Montagem/Igor Pontes/Canaltech

Viktor, na história atual de League of Legends, se fundiu às máquinas para garantir a vida eterna. Em Arcane, podemos ver o começo dessa transformação do campeão. Ao estudar com afinco o Núcleo Hextech que criou, o rapaz, que está gravemente doente, acaba desmaiando após tossir sangue, que entra em contato com a gema hextech e causa a conexão entre Viktor e sua criação.

Sabemos que o campeão conseguiu o controle das máquinas em Piltover e chegou a criar seu próprio robô consciente, Blitzcrank. Aos poucos, Arcane mostra a transformação do jovem Zaunita para alcançar a sua “evolução gloriosa”, como ele proclama na linha do tempo atual no jogo.

Imagem: Reprodução/Netflix
Imagem: Reprodução/Netflix

Heimerdinger é o primeiro a notar a diferença de Viktor, que aprendeu a se comunicar com o Núcleo Hextech. Será que na próxima temporada de Arcane veremos Viktor começando sua evolução gloriosa? A série chega a brincar com isso ao mostrar Sevika jogando cartas, e a que representa O Mago parece bastante com a forma final de Viktor. Ao lado, aparece a Morte, indicando que o rapaz está fadado a morrer caso não se transforme.

Imagem: Reprodução/Netflix
Imagem: Reprodução/Netflix

Podemos ver também o começo dos estudos de Viktor, aprendendo com Singed, a quem ele recorre no fim do Ato 2 para ajudar com sua doença terminal. No fim do ato, podemos ver o Químico Louco de Zaun com uma aparência mais condizente com a que conhecemos no jogo, usando uma máscara para cobrir seu rosto queimado.

Outras referências notáveis

Imagem: Montagem/Igor Pontes/Canaltech
Imagem: Montagem/Igor Pontes/Canaltech

Há um desenho que aparece bem brevemente enquanto Vi e Sevika estão brigando, que lembra o rosto de Zac. Ele é um monstro que nasceu de um experimento Quimtec que deu errado e foi criado em Zaun.

Imagem: Reprodução/Netflix
Imagem: Reprodução/Netflix

As flores que Singed usa e mostra para Viktor são o começo do Cintila, componente químico que ele usa e está desenvolvendo ao lado de Silco.

Imagem: Montagem/Igor Pontes/Canaltech
Imagem: Montagem/Igor Pontes/Canaltech

Aqui, uma referência que não tem nada a ver com League of Legends, mas sim com a animação O Caminho para El Dorado.

Imagem: Reprodução/Netflix
Imagem: Reprodução/Netflix

Teemo, o escoteiro mais odiado de League of Legends, aparece em seu manual dando instruções de sobrevivência.

Segredos do Ato 3

O Líder dos Fogolumes

Ekko e Vi relembram aqueles que se perderam ao longo do caminho. (Imagem: Reprodução/Netflix)
Ekko e Vi relembram aqueles que se perderam ao longo do caminho. (Imagem: Reprodução/Netflix)

O Ato 3 de Arcane trouxe algumas confirmações sobre Ekko. Ao revelar que ele é o líder dos Fogolumes, podemos ver um mural na base da resistência comandada pelo personagem. Voltando no tempo (com o perdão da piada), a animação de lançamento de Ekko possui um mural parecido com o que aparece na série. Inclusive, uma das personagens tem um visual idêntico ao da Jinx em Arcane. E para completar, Teemo aparece mais uma vez, agora como um brinquedinho no meio do mural.

No mural de Ekko em sua animação de 2015, dá para ver uma personagem bem parecida com Jinx. (Imagem: Reprodução/Riot Games)
No mural de Ekko em sua animação de 2015, dá para ver uma personagem bem parecida com Jinx. (Imagem: Reprodução/Riot Games)

Vale destacar que o vídeo de lançamento de Ekko também foi feito pela Fortiche, então provavelmente essa ideia já estava sendo considerada durante a concepção da série, que segundo a Riot demorou cerca de 5 anos. Outro detalhe que vale destacar é que a bolsa que Ekko usa para guardar a gema Hextech, é a mesma utilizada para guardar o dispositivo de voltar no tempo.

Solari?

Mel aparece usando a imagem da Tribo dos Solari (Imagem: Reprodução/Netflix)
Mel aparece usando a imagem da Tribo dos Solari (Imagem: Reprodução/Netflix)

Mel aparece em um flashback na sua infância onde ela está vestindo uma roupa que parece bastante com o símbolo dos Solari, uma tribo targoniana que venera o Sol. O que pode acontecer aqui, é que, na verdade, Mel não é uma noxiana de nascença, mas se tornou um deles após a invasão para conquistar a região. Dito isso, será que teremos alguma menção às tribos do Monte Targon na próxima temporada de Arcane?

Os primeiros passos de Noxus

Swain, o General Noxiano, pode se tornar um dos grandes vilões da série. (Imagem: Divulgação/Riot Games)
Swain, o General Noxiano, pode se tornar um dos grandes vilões da série. (Imagem: Divulgação/Riot Games)

No terceiro ato, vemos que Noxus está finalmente se movimentando para dominar o resto de Runeterra. A mãe de Mel aparece para tentar convencer a filha a transformar a Hextech em arma. Na história de League of Legends, Noxus é uma região que luta para dominar o mundo.

Ionia, por ser um local onde o uso da magia é bem mais presente do que em outros lugares, é um dos focos de dominação noxiana. Por isso, é de extremo interesse de Noxus que Piltover comece a fabricar armas usando a Hextech.

As criações de Singed

Vander, é você?? (Imagem: Reprodução/Netflix)
Vander, é você?? (Imagem: Reprodução/Netflix)

Singed é responsável por tudo que o vem da química no universo de Runeterra. Chamado justamente de Químico Louco, o campeão já havia sido responsabilizado pela criação de Warwick, Dr. Mundo e o criador da tecnologia Quimtec, que posteriormente também é utilizada em Urgot. No terceiro ato de Arcane, podemos ver algumas de suas criações.

A grande surpresa é que Singed é o responsável, por meio do uso da Cintila, por transformar a Jinx na personagem que conhecemos no League of Legends. Ao salvar a vida dela após a explosão na batalha contra Ekko, o químico finalmente terminou de quebrar a personagem, aflorando seus transtornos psicológicos com a substância. Os olhos roxos de Jinx finalmente foram explicados.

Outro personagem que aparece de relance no final do terceiro ato é Warwick. Desde o primeiro ato, existia a desconfiança dele ser Vander, principalmente por conta do apelido de “Cão do Submundo” e a origem de vida que lembra a do passado do Lobisomem de Zaun. No final da série, apesar de não estar absolutamente nada confirmado, podemos ver o começo da transformação de Warwick.

Fishbones

Jinx finalmente usa seu canhão durante o terceiro ato. (Imagem: Reprodução/Netflix)
Jinx finalmente usa seu canhão durante o terceiro ato. (Imagem: Reprodução/Netflix)

Nos últimos instantes do episódio 9, Jinx revela sua arma final: o icônico canhão Fishbones. Aqui, podemos elaborar um pouco mais sobre a relação da personagem com Silco. Durante o segundo ato, o criminoso insiste para que Jinx continue treinando para transformar a Hextech em uma arma.

No fim do último episódio, após matar a conturbada figura paterna, a campeã empunha seu canhão, uma arma Hextech, para atirar o Super Mega Míssil da Morte, habilidade especial de Jinx em LoL. Vale lembrar que, no jogo, quanto mais longe o míssil de Jinx percorrer no mapa, maior é o estrago que ele causa.

Novos vilões chegando

O visual do local onde acontece a reunião é idêntico à arte de Corina em Legends of Runeterra. (Imagem: Reprodução/Netflix)
O visual do local onde acontece a reunião é idêntico à arte de Corina em Legends of Runeterra. (Imagem: Reprodução/Netflix)

Em Legends of Runeterra, existe uma vilã chamada Corina, que é mencionada na história por Caitlyn, já como Xerife, pelo codinome “C”. Ela é uma química que usa plantas bem parecidas com as que aparecem no ponto de encontro dos criminosos de Zaun, onde Silco ameaça todos. Será que veremos Corina aprontando na série?

Noxus também parece guardar alguns mistérios, já que, segundo a matriarca Medarda, o irmão de Mel foi morto por alguém que estava caçando a família. Esse é um dos motivos pelos quais ela quer transformar a Hextech em uma arma.

Seria esse homem, Swain? Apesar dos corvos que apareceram na série não terem três olhos como as aves demoníacas do personagem, todo o contexto pode ser uma boa preparação para a chegada do governante noxiano à série da Netflix.

Itens do jogo

O golpe final de Vi no inimigo no laboratório é o mesmo de sua habilidade no LoL. (Imagem: Reprodução/Netflix)
O golpe final de Vi no inimigo no laboratório é o mesmo de sua habilidade no LoL. (Imagem: Reprodução/Netflix)

Na cena onde Vi e Jayce invadem a fábrica de Cintila criada por Silco e seus comparsas, podemos ver alguns jovens usando o Químiotanque Turbo, item para campeões que exercem a função de tanque em League of Legends. Assim como no jogo, a roupa parece aumentar a velocidade com a qual os personagens se mexem.

Jayce finalmente aparece usando seu martelo Hextech. (Imagem: Reprodução/Netflix)
Jayce finalmente aparece usando seu martelo Hextech. (Imagem: Reprodução/Netflix)

Além disso, podemos finalmente ver Jayce empunhando seu martelo, usando as duas formas dele. No jogo, ele pode alternar sua arma entre um canhão que atira rajadas de energia a longa distância, como também um Martelo de Guerra que permite que ele lute corpo a corpo.

Já Vi usa suas manoplas para dar belíssimos socos não só nesses personagens, mas em Sevika também. Na melhor cena de luta da personagem na série, podemos ver ela usando o escudo de energia, a habilidade passiva da campeã em League of Legends. A força como ela desce para finalizar um dos inimigos usando o Quimiotanque, também lembra outra habilidade da campeã no LoL, a Quebra-Cofres.

Esses foram todos os easter eggs, referências e algumas teorias que encontramos ao mergulhar na primeira temporada de Arcane, que está disponível na Netflix — a segunda temporada já foi confirmada. Compartilhe com seu amigo fã de League of Legends e veja quem encontrou mais segredos escondidos dentro da série da Netflix.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos