Mercado fechado
  • BOVESPA

    119.710,03
    -3.253,98 (-2,65%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.748,41
    -906,88 (-1,83%)
     
  • PETROLEO CRU

    65,59
    -0,49 (-0,74%)
     
  • OURO

    1.821,70
    -1,10 (-0,06%)
     
  • BTC-USD

    50.390,21
    -6.745,07 (-11,81%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.381,65
    -182,18 (-11,65%)
     
  • S&P500

    4.063,04
    -89,06 (-2,14%)
     
  • DOW JONES

    33.587,66
    -681,50 (-1,99%)
     
  • FTSE

    7.004,63
    +56,64 (+0,82%)
     
  • HANG SENG

    27.896,61
    -334,43 (-1,18%)
     
  • NIKKEI

    27.610,42
    -537,09 (-1,91%)
     
  • NASDAQ

    13.053,75
    +55,25 (+0,43%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4091
    +0,0036 (+0,06%)
     

Arana vê Galo devendo em gols, mas elogia postura diante do Boa Esporte: 'Competimos mais'

Nathalia Almeida
·2 minuto de leitura

Faltou organização, faltou qualidade, faltou um monte de coisa que o torcedor do Atlético-MG ainda espera ver seu time entregando em 2021, mas os três pontos estão mais uma vez na conta. Na tarde deste domingo (18), o Galo entrou em campo precisando da vitória para garantir a melhor campanha do Estadual com uma rodada de antecedência, e apesar de não encantar, alcançou o objetivo: triunfo por 2 a 1 sobre o agora rebaixado Boa Esporte, de virada, gols de Eduardo Vargas e Guilherme Arana.

Em entrevista concedida após o encerramento da partida que fechou a rodada 10 do Mineiro, o lateral-esquerdo atleticano, autor do gol que selou a virada do Galo, falou sobre a atuação da equipe. Na opinião de Arana, o time ficou devendo em transformar o volume de chances criadas em gols, mas já houve uma melhor em relação ao que foi apresentado diante do rival Cruzeiro.

Galo garantiu a melhor campanha geral do Campeonato Mineiro | Fernando Moreno/Agif/Gazeta Press
Galo garantiu a melhor campanha geral do Campeonato Mineiro | Fernando Moreno/Agif/Gazeta Press

"Ficou abaixo porque não fizemos os gols. Acho que criamos muitas oportunidades, mas não concluímos em gols, e aí a sensação é de que ficou abaixo. Mas mudamos um pouco o espírito, de competir mais, no clássico não competimos como deveríamos. Isso que o grupo tem que fazer. A semana foi boa de trabalho, trabalho intenso. Temos que manter a pegada lá em cima porque agora vem Libertadores, e Libertadores é jogo assim", afirmou.

Com a vitória magra e apertada, o Galo chegou aos 24 pontos totais e já não pode ser alcançado no topo da tabela de classificação do Mineiro, mesmo que perca seu jogo na última rodada. Assim, os comandados de Cuca podem dedicar atenções exclusivas à estreia do clube na Libertadores: será na próxima quarta-feira (21), contra o Deportivo La Guaira, na Venezuela.