Arábia Saudita vai respeitar teto de produção da Opep

A Arábia Saudita, um dos principais países produtores de petróleo do mundo, vai aderir ao teto de produção definido pela Organização dos Países Exportadores de Petróleo (OPEP), que pediu aos países membros que não excedam o teto de 30 milhões de barris por dia.

"Vamos honrar o pedido", disse Ali al-Naimi, ministro de Petróleo do país, falando a repórteres em Cairo. Ele se recusou, no entanto, a especificar quando a Arábia Saudita produz atualmente, mas garantiu que vai atender a demanda dos consumidores.

Como esperado, a Opep decidiu manter seu atual teto de produção de petróleo em 30 milhões de barris por dia em uma reunião em Viena no último dia 12. A discussão foi dificultada pela oposição de alguns membros, que avaliam a produção atual como excessiva. A reunião não definiu um novo líder para a Opep.

Naimi expressou também o desejo de que "todos deixem o mercado quieto". "Este é o melhor momento para o mercado. O mercado está funcionando bem, a oferta é saudável e a demanda a acompanha", afirmou. As informações são da Dow Jones.

Carregando...