Apple x Gradiente: o que tem no iPhone de cada uma?

SÃO PAULO – Na última terça-feira (5), o jornal Folha de S. Paulo publicou que o Inpi (Instituto Nacional da Propriedade Intelectual) concedeu à Gradiente o uso exclusivo do nome iPhone para smartphones no Brasil. 

Em 2000, a Gradiente pensou em juntar internet com telefone celular e criou o nome Internet Phone, porém ficou muito longo e foi alterado para iphone. A empresa, então, pediu o registro da marca ao Inpi, que só foi concedido em 2008, época em que a Gradiente passava por problemas financeiros. Contudo, em 2007, a Apple lançou o seu iPhone no Brasil.

Gradiente x Apple
No final do ano passado, a Gradiente divulgou um vídeo explicando a relação com a marca e as diferenças entre os dois aparelhos. Segundo a empresa, o aparelho da Gradiente roda com sistema operacional Android, possui tela de 3.7 polegadas, câmera traseira de 5.0MP e frontal de 0.3MP, Dual Sim, conexão Wi-Fi e 3G, Bluetooth e cartão de memória de 2GB. O aparelho custa cerca de R$ 599.

Já a última versão do dispositivo da Apple possui sistema operacional iOS 6, tela de retina de 4 polegadas, conexão Wi-Fi e 3G, câmera traseira de 8.0MP e frontal de 1.2MP, Bluetooth entre aparelhos Apple e três modelos de capacidade, de 16GB, 32GB e 64GB. Além de ser um dos mais leves e finos da categoria. O aparelho pode ser encontrado por a partir de R$ 2.400.

Carregando...