Mercado fechado

Apple TV+, Globoplay, Netflix e Prime Video: conheça as principais diferenças

Bruno Salutes

Não é fácil escolher um serviço de streaming favorito em meio a tantas opções disponíveis. Recentemente, a Apple lançou o Apple TV+, novo concorrente entre os já consolidados Globoplay, Netflix e Prime Video. Mas, afinal, quais são as principais diferenças entre cada plataforma? Confira a seguir.

Apple TV+

O serviço de streaming da empresa da Maçã está disponível para os usuários desde o 1° de novembro e conta com 9 títulos em seu catálogo. A ideia da Apple é atualizar o acervo com novas opções todo mês. Logo, o Apple TV+ é de longe, até o momento, o serviço mais enxuto disponível.

Vai levar algum tempo até que sua assinatura seja fortemente competitiva, embora o preço em si seja bastante atraente: são R$ 9,90 mensais, com 7 dias de testes grátis. O plano é único e pode ser compartilhado entre 6 usuários da mesma rede familiar. O Apple TV+ oferece conteúdo em 4K com Dolby Vision, HDR e Dolby Atmos, algo incomum para uma assinatura com este valor.

Apple TV+ é o serviço de streaming mais novo do mercado / Captura de tela: Bruno Salutes

Assinar o Apple TV+ pode ser uma boa opção para quem quer fazer maratonas de produções originais e não quer ter o compromisso de renová-la mensalmente, visto que você conseguirá maratonar o catálogo inteiro em um mês e pode esperar dois ou três meses para renová-lo novamente.

Globoplay

O Grupo Globo também tem uma plataforma de streaming e ela se chamada Globoplay. Quem optar optar pela assinatura do serviço terá acesso ao portfólio repleto de títulos nacionais, como séries originais brasileiras, como Segunda Chamada, e estrangeiras, como Manifest e The Good Doctor. Também há novelas, shows, jornais e programas exclusivos, como acesso 24 horas ao Big Brother Brasil.

Os assinantes podem baixar o conteúdo da plataforma para assistir offline, e existe a opção de pausar e voltar a transmissão da Globo em até 1 hora. O Globoplay também oferece 7 dias grátis de teste e custa R$ 19,90 por mês, embora a qualidade da transmissão não seja o ponto forte do serviço. Isso porque há conteúdo em baixa, média e alta definição, o que varia entre 420 e 1080 pixels, e não há suporte a tecnologias mais modernas, como Dolby Vision ou Atmos.

Globoplay tem títulos inéditos e produções nacionais em peso / Captura de tela: Bruno Salutes

Segundo a Globo, a transmissão em 4K HDR está disponível para modelos específicos de Smart TVs e só funciona com os seguintes títulos: séries Ilha de Ferro e Assédio, Copa do Mundo 2018 (íntegras), Esse Cara, Roberto Carlos, Justiça, Ligações Perigosas, Dupla Identidade, Cerimônia de Abertura Jogos Olímpicos 2016, Cobertura Jogos Olímpicos e Nas Ondas de Bali.

A vantagem do Globoplay, por fim, não é a qualidade da transmissão, mas a variedade de títulos disponíveis no catálogo dos mais diferentes gêneros produzidos pela maior emissora do país.

Netflix

O Netflix dispensa apresentações. O gigante dos streaming é basicamente pioneiro no segmento e é dono do maior portfólio de séries e filmes atualmente, além de líder do mercado. Para atender a todos, a companhia oferece três opções de assinaturas que entregam qualidade de streaming e quantidade de compartilhamento diferentes: Básico R$21,90 (individual com resolução HD), Padrão R$32,90 (até duas telas simultâneas com resolução HD), Premium R$45,90 (até quatro telas simultâneas e resolução 4K). Todos os planos acompanham 30 dias de testes grátis.

Diferente do Apple TV+ e do Prime Video (que veremos a seguir), o Netflix só oferece vídeos em resolução 4K no plano Premium, que é o mais caro. Essa assinatura é a única com Dolby Vision, Atmos e também HDR. Já no catálogo, encontramos as séries mais populares, como Stranger Things e A Casa de Papel.

Netflix tem maior catálogo e séries populares / Captura de tela: Bruno Salutes

Por fim, o Netflix pode ser uma opção completa e que entrega assinaturas para diferentes públicos e orçamentos. A plataforma tem uma quantidade de produções originais grande e um dos seus pontos fracos é o fato que estreias do cinema demoram a chegar ao Netflix em comparação com o Prime Video, por exemplo.

Prime Video

Chegamos ao serviço próprio da gigante Amazon, o Prime Video. Oferecido por R$ 9,90 mensais e com 30 dias de testes grátis, a assinatura engloba outros benefícios no site da Amazon, como frete grátis, eBooks e acesso ao serviço de streaming de música, o Amazon Music. O catálogo do Prime Video é tão diversificado quanto o Globoplay e o Netflix, com produções originais, novelas, filmes e até reality shows.

O ponto forte do serviço é que filmes que saíram do cinema chegam mais rápidos a plataforma, incluindo sucessos da Disney, como Dumbo e Malévola, por exemplo. Entre as séries, destacamos The Marvelous Mrs. Maisel e Fleabag, vencedoras do Emmy 2019. Temos um artigo no site com todos os detalhes sobre o catálogo do Prime Video, acesse:

Prime Video tem catálogo repleto de estreias do cinema / Captura de tela: Bruno Salutes

A assinatura do Prime Video é semelhante ao do Apple TV+ não apenas no valor, mas também nas tecnologias oferecidas, como HDR, 4K, Dolby Vision e Atmos em títulos selecionados. Entre os contras há a ausência de legenda e dublagem em português em alguns filmes que estão na plataforma.

E você, qual é o seu serviço de streaming favorito da nossa lista?

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: