Mercado fechará em 4 h 5 min

Apple paga à Samsung R$ 5 bilhões por não comprar telas OLED suficientes

Felipe Autran

A Apple pagou cerca de US$ 950 milhões à Samsung após descumprir os termos de um acordo entre as duas companhias envolvendo a compra de painéis OLED. Segundo analistas da empresa de consultoria DSCC, o pagamento aconteceu porque a Apple comprou menos painéis do que o previsto durante o segundo trimestre deste ano.

A informação de que a Samsung teria se beneficiado de um alto pagamento envolvendo a divisão de painéis surgiu na semana passada, quando a companhia coreana divulgou um relatório com suas receitas durante o segundo trimestre de 2020. Na época, a estimativa é de que esse valor seria de 900 bilhões de wons (cerca de US$ 750 milhões), mas a DSCC confirmou que o número real fica próximo de US$ 950 milhões — cerca de R$ 5 bilhões.

Assim como aconteceu com outras fabricantes, o pagamento indica que tanto a produção como a venda de iPhones estão sofrendo os impactos da pandemia de COVID-19. Essa baixa na saída de novos dispositivos acabou obrigando a Apple a compensar a Samsung pelos painéis que deveriam ter sido encomendados, de acordo com o contrato estabelecido entre as duas empresas, mas acabaram não sendo necessários.

Essa não foi a primeira vez que a Apple precisou pagar à Samsung por não comprar todos os painéis previstos em acordo. Em julho do ano passado, a empresa coreana embolsou US$ 683 milhões pelo mesmo motivo. Na ocasião, a razão da baixa demanda por novos painéis foram as vendas de iPhone na China durante os últimos meses de 2019, que não cumpriram as expectativas da Apple.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: