Mercado fechado
  • BOVESPA

    102.224,26
    -3.586,99 (-3,39%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.492,52
    -1.132,48 (-2,24%)
     
  • PETROLEO CRU

    68,15
    -10,24 (-13,06%)
     
  • OURO

    1.788,10
    +1,20 (+0,07%)
     
  • BTC-USD

    54.796,96
    +710,93 (+1,31%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.365,60
    -89,82 (-6,17%)
     
  • S&P500

    4.594,62
    -106,84 (-2,27%)
     
  • DOW JONES

    34.899,34
    -905,04 (-2,53%)
     
  • FTSE

    7.044,03
    -266,34 (-3,64%)
     
  • HANG SENG

    24.080,52
    -659,64 (-2,67%)
     
  • NIKKEI

    28.751,62
    -747,66 (-2,53%)
     
  • NASDAQ

    16.051,00
    -315,00 (-1,92%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3485
    +0,1103 (+1,77%)
     

Apple lança ferramenta de "testamento digital"

·2 min de leitura
Photo by: STRF/STAR MAX/IPx
Photo by: STRF/STAR MAX/IPx
  • Ferramenta permite que usuários tenham acesso a certos itens de sua conta após sua morte

  • Recurso ainda está em período de testes e sem previsão para lançamento oficial

  • Outras companhias de tecnologia e mídia já possuem recursos parecidos

Até agora, usuários de produtos e serviços da Apple estavam fadados a permanecer com suas contas trancadas caso, infelizmente, falecessem. Sem a senha do usuário não há como acessar o dispositivo ou o iCloud do usuário.

Para remediar isso, a Apple está criando um recurso chamado de Digital Legacy, ou Legado Digital. Atualmente a ferramenta se encontra em período de testes.

Leia também:

Digital Legacy

O Legado Digital, ou então Testamento Digital, é uma nova ferramenta que permite ao usuário escolher até cinco pessoas para se tornarem contatos herdeiros.

Com isso, essas pessoas poderão acessar os seus dados armazenados no iCloud, como fotos, documentos e e-mail em caso de uma eventual tragédia. Já informações como dados de pagamento, assinaturas e outras senhas armazenadas não poderão ser vistas.

A nova ferramenta pode ser utilizada para obter mais memórias digitais de um ente querido que passou, ou então até obter dicas que ajudem na resolução de um possível crime.

A pessoa, no entanto, deverá aceitar ser uma das suas Legacy Contato, ou Contatos de Legado. Caso aceite, ela receberá uma chave digital que a dará acesso à suas redes.

Se você achar muito invasivo à sua privacidade ter alguém com esse acesso a todo tempo em seu telefone, mas gostaria de usufruir da nova ferramenta, poderá também imprimir uma senha e manter em um local seguro.

O que fazem as outras redes

Outras empresas de mídia possuem funções similares ao Digital Legacy da Apple. O Facebook, por exemplo, permite que você designe uma pessoa para cuidar de uma versão "memorial" da sua conta. Além disso, amigos e familiares também podem solicitar a exclusão da conta de entes já falecidos.

O Twitter, por sua vez, não permite entrar na conta de alguém que se foi, mas permite também a solicitação de exclusão da conta por parte de familiares e amigos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos