Mercado fechado
  • BOVESPA

    108.487,88
    +1.482,66 (+1,39%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.518,30
    +228,39 (+0,45%)
     
  • PETROLEO CRU

    110,35
    +0,46 (+0,42%)
     
  • OURO

    1.845,10
    +3,90 (+0,21%)
     
  • BTC-USD

    29.875,78
    +334,71 (+1,13%)
     
  • CMC Crypto 200

    650,34
    -23,03 (-3,42%)
     
  • S&P500

    3.901,36
    +0,57 (+0,01%)
     
  • DOW JONES

    31.261,90
    +8,77 (+0,03%)
     
  • FTSE

    7.389,98
    +87,24 (+1,19%)
     
  • HANG SENG

    20.717,24
    +596,56 (+2,96%)
     
  • NIKKEI

    26.739,03
    +336,19 (+1,27%)
     
  • NASDAQ

    11.838,00
    -40,25 (-0,34%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,1528
    -0,0660 (-1,26%)
     

Apple aposenta seu emblemático iPod

(Nov/2001) Clientes fazem fila em loja da Apple na Califórnia, no lançamento do iPod (AFP/LOU DEMATTEIS) (LOU DEMATTEIS)

A Apple anunciou nesta terça-feira que deixará de produzir o iPod, seu famoso tocador de mp3, que revolucionou a indústria da música no começo da década de 2000.

A empresa irá se concentrar em outros produtos populares da marca, como o iPhone. "O espírito do iPod perdura. Integramos uma experiência musical incrível em todos os nossos produtos, do iPhone ao Apple Watch", declarou Greg Joswiak, vice-presidente de marketing internacional da Apple.

"A música sempre foi central para a Apple, e torná-la acessível a centenas de milhões de usuários, como fez o iPod, teve impacto não apenas na indústria musical, mas também redefiniu a forma como a música é descoberta, ouvida e compartilhada", ressaltou Joswiak.

O iPod continuará disponível nos pontos de venda da marca enquanto durarem os estoques, informou a empresa californiana.

Retangular e na cor branca, o iPod foi lançado em 2001, e fez sucesso rapidamente. O leitor de arquivos no formato mp3 e o programa iTunes, também de 2001, mudaram profundamente o mundo da música, ao popularizarem o download legal numa época em que muitos sites permitiam que o usuário baixasse filmes e músicas de graça.

Desde o seu lançamento, a Apple vendeu cerca de 450 milhões de iPods, segundo a empresa especializada Loup Ventures, citada pelo "New York Times". O aparelho contribuiu amplamente para tornar a empresa da maçã a gigante de hoje, uma vez que serviu de inspiração para a criação do iPhone.

dax/rle/dl/gm/lb

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos