Mercado abrirá em 1 h 58 min
  • BOVESPA

    106.296,18
    -1.438,82 (-1,34%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.889,66
    -130,44 (-0,25%)
     
  • PETROLEO CRU

    84,36
    +0,60 (+0,72%)
     
  • OURO

    1.800,30
    +4,00 (+0,22%)
     
  • BTC-USD

    62.725,69
    +1.928,80 (+3,17%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.453,34
    -49,70 (-3,31%)
     
  • S&P500

    4.544,90
    -4,88 (-0,11%)
     
  • DOW JONES

    35.677,02
    +73,92 (+0,21%)
     
  • FTSE

    7.239,72
    +35,17 (+0,49%)
     
  • HANG SENG

    26.132,03
    +5,10 (+0,02%)
     
  • NIKKEI

    28.600,41
    -204,44 (-0,71%)
     
  • NASDAQ

    15.373,00
    +32,00 (+0,21%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,5781
    -0,0027 (-0,04%)
     

App Cataki dá renda extra a catadores que reciclam embalagens longa vida

·1 minuto de leitura

O Cataki, aplicativo que reúne catadores para coletar lixo reciclável em residências, fez uma parceria com a fabricante de embalagens Tetra Pak em um programa de remuneração para reaproveitar embalagens longa vida, usadas para guardar líquidos como sucos e leite.

O Cataki+LongaVida é um projeto-piloto que começará na cidade de São Paulo. Ele cria um sistema de bonificação ao catador que entregar esse tipo de embalagem. No app, o catador participante receberá uma transferência no valor de R$ 0,25 por quilo de embalagem. As cooperativas parceiras do projeto também receberão um bônus por realizarem o serviço de recebimento e acomodação do material.

Segundo a Pimp My Carroça, criadora do Cataki, os catadores que já fazem parte do piloto conseguiram volumes adicionais de embalagens por semana, e com isso a renda deles aumentou. “Agora não precisamos mais esperar dois ou três meses para fechar a carga”, disse Maria Tereza Montenegro, presidente da CooperVivaBem, no texto à imprensa.

Imagem: Carol Garcia/GOVBA/Fotos Públicas
Imagem: Carol Garcia/GOVBA/Fotos Públicas

As embalagens longa vida são compostas de papel, plástico e alumínio. Na reciclagem, esses materiais podem ser separados novamente. Há equipamentos que agitam o lixo com água para hidratar a celulose e soltá-la do polietileno e do alumínio. Já estes são são reciclados juntos e podem se tornar objetos como telhas de casas, canetas, sacolas, potes, poltronas, peças de bicicleta e outros.

Atualmente o Cataki reúne 4 mil catadores em mais de 1.000 cidades brasileiras. De acordo com uma pesquisa da consultoria Move Social, o Cataki aumenta a renda dos catadores em cerca de 64%.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos