Mercado fechará em 6 h 32 min
  • BOVESPA

    98.032,97
    -508,98 (-0,52%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    47.524,45
    -537,16 (-1,12%)
     
  • PETROLEO CRU

    108,48
    +2,72 (+2,57%)
     
  • OURO

    1.793,40
    -13,90 (-0,77%)
     
  • BTC-USD

    19.332,15
    +149,04 (+0,78%)
     
  • CMC Crypto 200

    415,50
    -15,97 (-3,70%)
     
  • S&P500

    3.785,38
    -33,45 (-0,88%)
     
  • DOW JONES

    30.775,43
    -253,88 (-0,82%)
     
  • FTSE

    7.167,47
    -1,81 (-0,03%)
     
  • HANG SENG

    21.859,79
    -137,10 (-0,62%)
     
  • NIKKEI

    25.935,62
    -457,42 (-1,73%)
     
  • NASDAQ

    11.502,75
    -26,75 (-0,23%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5296
    +0,0240 (+0,44%)
     

Após BK e McDonald's, Jeronimo é questionado por propaganda

fresh tasty burger and french fries on wooden table
A peça publicitária mostra um sanduiche com três carnes, mas o valor exibido é para o lanche com apenas um hambúrguer (Getty Image)
  • Consumidores reclamaram para o Conar sobre anúncio do Jeronimo

  • Burguer King e McDonald's também foram acusados de suposta propaganda enganosa

  • Órgão regulador pediu que a empresa modifique a peça publicitária

Depois de polêmicas envolvendo sanduiche de picanha que não tinha picanha e lanche de costela sem costela, mais uma rede de fast food entra na mira das críticas por propaganda possivelmente enganosa.

A rede de restaurantes, que pertence a Junior Durski, dono também do Madero, foi questionada pelo Conar nesta semana por causa da quantidade de carne mostrada em uma imagem. O órgão de regulamentação publicitária recomendou a alteração de um outdoor da rede exibido na estação de metrô Oscar Freire, em São Paulo.

Na peça, é mostrado um sanduíche da marca com três pedaços de carne e recheios pelo valor de R$ 9,80. Mas, de acordo com um consumidor que fez a denúncia ao Conar, aquele era o preço cobrado pelo lanche que tinha apenas um hambúrguer na composição.

Para tentar se defender das acusações, o Jeronimo disse que o produto é montado no balcão pelo cliente e que a promoção de R$ 9,80 inclui apenas um pedaço. O preço aumenta se tiver dois ou três hambúrgueres no pão.

No entanto, clientes dizem que a informação de que a imagem era apenas ilustrativa não ficou nítida para os consumidores em trânsito no transporte público. O Conar afirmou que comunicou a decisão à marca na quarta-feira (25).

Procurada pelo Painel S.A., a empresa diz que a "companhia preza pela transparência e seriedade de seus anúncios e entende não ter desobedecido nenhuma orientação legal mas, certamente, levará em conta a recomendação do Conar".

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos