Mercado fechará em 5 h 20 min
  • BOVESPA

    108.729,85
    +716,38 (+0,66%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.823,23
    -408,97 (-0,77%)
     
  • PETROLEO CRU

    86,21
    -0,75 (-0,86%)
     
  • OURO

    1.844,30
    +1,10 (+0,06%)
     
  • BTC-USD

    42.348,10
    +190,13 (+0,45%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.005,55
    +10,80 (+1,09%)
     
  • S&P500

    4.532,76
    -44,35 (-0,97%)
     
  • DOW JONES

    35.028,65
    -339,82 (-0,96%)
     
  • FTSE

    7.576,13
    -13,53 (-0,18%)
     
  • HANG SENG

    24.952,35
    +824,50 (+3,42%)
     
  • NIKKEI

    27.772,93
    +305,70 (+1,11%)
     
  • NASDAQ

    15.164,00
    +130,50 (+0,87%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1388
    -0,0286 (-0,46%)
     

Após 20 anos de trabalho, funcionário se demite do Taco Bell por má educação de clientes

·1 min de leitura
Foto: Getty Images.
Foto: Getty Images.
  • Após 20 anos trabalhando no Taco Bell, funcionário pede demissão;

  • O motivo seria que, desde o começo da pandemia, os clientes se tornaram mais irritáveis;

  • Em pesquisa, 62% dos funcionários de restaurantes afirmam que clientes estão mais exigentes.

Após trabalhar por 20 anos na rede de restaurantes de fast-food Taco Bell, um trabalhador está deixando a empresa. O motivo? Desde o ano passado os clientes se tornaram muito difíceis de lidar.

O ex-funcionário, que não quis ser identificado por medo de ter o futuro emprego afetado, diz que trabalha há anos na indústria do fast-food. Anteriormente, o ex-empregado já havia passado seis anos no McDonald’s.

Leia também:

Segundo o anônimo, o setor foi praticamente a única coisa que conheceu na vida, e afirma que, se os clientes não tivessem se tornado tão irracionais e irritados, provavelmente teria continuado no emprego que amava.

O ex-funcionário, que era gerente de turno sênior, alega que as coisas se tornaram realmente problemáticas a partir do começo da pandemia, no início de 2020. Para o ex-trabalhador, os clientes ficaram mais críticos e aborrecidos com os funcionários do setor de serviços.

A mudança do comportamento estaria em parte associado ao avanço tecnológico das redes de fast-food e dos pedidos por aplicativo. 

Com isso, os pedidos dos clientes vêm se tornando mais personalizados, com modificações complicadas nos itens, portanto, faltando empatia com os trabalhadores sobrecarregados.

Segundo dados pesquisados pela Lightspeed, 62% dos funcionários de restaurantes afirmam que os clientes estão mais exigentes do que antes da pandemia.

As informações são do Business Insider.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos