Mercado abrirá em 1 h 28 min
  • BOVESPA

    109.068,55
    -1.120,02 (-1,02%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.725,96
    -294,69 (-0,58%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,70
    +0,69 (+0,96%)
     
  • OURO

    1.795,00
    -3,00 (-0,17%)
     
  • BTC-USD

    16.827,79
    +11,26 (+0,07%)
     
  • CMC Crypto 200

    395,20
    -6,84 (-1,70%)
     
  • S&P500

    3.933,92
    -7,34 (-0,19%)
     
  • DOW JONES

    33.597,92
    +1,58 (+0,00%)
     
  • FTSE

    7.487,05
    -2,14 (-0,03%)
     
  • HANG SENG

    19.450,23
    +635,41 (+3,38%)
     
  • NIKKEI

    27.574,43
    -111,97 (-0,40%)
     
  • NASDAQ

    11.528,50
    +19,00 (+0,17%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,4745
    +0,0081 (+0,15%)
     

Aplicativo promete trazer "Instagram raiz" de volta

O OG App é um programa criado para quem deseja retornar ao estilo básico do Instagram, voltar à "versão raiz" da rede social. A ideia é cortar várias funcionalidades introduzidas recentemente para fazer a rede ser novamente aquela plataforma de compartilhamento de fotos com filtros.

Mas se engana quem pensa que o OG é apenas uma versão capada do Insta. Na verdade, ele possui as guias presentes no original: a página inicial, a pesquisa com posts para descoberta e um local para os Reels. A diferença é que o programa não trará tantos conteúdos aleatórios de pessoas desconhecidas.

O OG permite ao usuário configurar a interface do Instagram como quiser (Imagem: Reprodução/OG)
O OG permite ao usuário configurar a interface do Instagram como quiser (Imagem: Reprodução/OG)

O app adiciona também algumas funcionalidades extras, como a gestão de múltiplos feeds — que você pode compartilhar com outras pessoas — e com foco em usuários específicos, bem como a opção de pausar a atualização dos posts por até 24 horas. Esse segundo recurso possibilita que a pessoa possa acompanhar todo o conteúdo dos seus amigos em um único dia.

É possível também desativar seções do Instagram que você não usa para reduzir a polução visual. Se você não curte vídeos curtos, basta remover a guia do Reels e focar apenas no feed de imagens e nos Stories.

De volta ao Instagram original

O app permite configurar vários feeds separados por temas: amigos, diversão, notícias, blogueiros, esportes e outros (Imagem: Reprodução/OG)
O app permite configurar vários feeds separados por temas: amigos, diversão, notícias, blogueiros, esportes e outros (Imagem: Reprodução/OG)

Não espere uma interface revolucionária, já que a ideia é se manter bem fiel ao Insta raiz. A aparência é bem similar ao app da Meta, mas a apresentação do conteúdo se destaca pelas áreas de respiro.

Só de remover as propagandas, que pulam na tela a cada visualização dos Reels, já é razão suficiente para dar uma chance ao OG. Além disso, você ficará mais focado nos conteúdos dos perfis que segue e dos seus amigos, o que realmente pode ajudar a devolver o caráter social da rede, tirando o peso comercial da coisa toda.

O Instagram está entre as redes sociais mais populares do mundo, mas muita gente tem ficado descontente nos últimos meses. A Meta tem forçado mudanças em formatos, como a chegada do Reels, as propagandas em todos os locais, as fotos em tela cheia e o feed no estilo de rolagem da tela inspirado no TikTok.

OG ainda tem problemas

Por ser um app ainda em desenvolvimento, o OG apresenta alguns bugs e dificuldades técnicas. O login pode apresentar problema, com mensagens de erro e telas de carregamento infinitas. Outro problema é a notificação enviada pelo Instagram sobre a conta ter sido vinculada a "atividades suspeitas" — o OG garante não guardar nem visualizar sua senha, já que o login é feito pela API da própria Meta, mas fica o aviso de usar a ferramenta por sua conta e risco.

O programa também é um pouco mais lento para carregar os conteúdos, já que os dados precisam vir da rede social e trafegar pelos servidores do OG antes de aparecer na tela do seu celular. A lentidão é um preço a se pagar para quem deseja de livrar das imposições e desfrutar de uma versão mais limpa da plataforma.

É bom se precaver e só utilizar o OG na sua conta pessoal, preferencialmente em perfis alternativos, assim você não enfrenta problemas no caso de bloqueio. A Meta tem uma política severa com o uso de apps de terceiros no WhatsApp, portanto isso poderia ser facilmente expandido para o Insta em algum momento.

O OG é gratuito e tem versões para Android e para iOS. Use o programa por sua conta e esteja ciente dos riscos de usar um app não autorizado pela Meta.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: