Mercado fechará em 6 h 5 min
  • BOVESPA

    101.259,75
    -658,25 (-0,65%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    38.707,72
    +55,52 (+0,14%)
     
  • PETROLEO CRU

    38,80
    -1,05 (-2,63%)
     
  • OURO

    1.905,80
    +0,60 (+0,03%)
     
  • BTC-USD

    13.146,59
    +69,57 (+0,53%)
     
  • CMC Crypto 200

    263,48
    +2,03 (+0,78%)
     
  • S&P500

    3.465,39
    +11,90 (+0,34%)
     
  • DOW JONES

    28.335,57
    -28,13 (-0,10%)
     
  • FTSE

    5.837,31
    -22,97 (-0,39%)
     
  • HANG SENG

    24.918,78
    +132,68 (+0,54%)
     
  • NIKKEI

    23.494,34
    -22,25 (-0,09%)
     
  • NASDAQ

    11.561,00
    -102,50 (-0,88%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,6811
    +0,0172 (+0,26%)
     

Aplicativo iFood cai na noite do Dia dos Namorados

·1 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Na primeira celebração do Dia dos Namorados da pandemia do coronavírus, o aplicativo de entregas iFood registrou instabilidade no sistema e dificultou a vida de quem contava com os serviço de delivery. No Twitter, consumidores relataram dificuldades em concluir pedidos -o sistema caia antes de a compra ser feita e a mensagem "tivemos um problema por aqui" aparecia. Há relatos também de lançamento cobranças de pedidos não concluídos. Em resposta a usuários do aplicativos no Twitter, o iFood afirmou ter identificado "instabilidade que afeta o fechamento de pedidos", mas que trabalha para resolver o problema. Também na noite desta sexta-feira, o aplicativo de entregas concorrente, o Rappi Brasil, anunciou, também por meio do Twiter, um cupom de desconto cujo código era "aifod". O Rappi aproveitou as reclamações de que o concorrente estava com problemas e respondeu aos usuários informando que estava "firme e forte".