Mercado abrirá em 4 h 34 min
  • BOVESPA

    111.539,80
    +1.204,97 (+1,09%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.682,19
    +897,61 (+2,00%)
     
  • PETROLEO CRU

    59,99
    +0,24 (+0,40%)
     
  • OURO

    1.726,90
    -6,70 (-0,39%)
     
  • BTC-USD

    50.471,54
    +1.860,57 (+3,83%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.013,06
    +24,97 (+2,53%)
     
  • S&P500

    3.870,29
    -31,53 (-0,81%)
     
  • DOW JONES

    31.391,52
    -143,99 (-0,46%)
     
  • FTSE

    6.684,12
    +70,37 (+1,06%)
     
  • HANG SENG

    29.880,42
    +784,56 (+2,70%)
     
  • NIKKEI

    29.559,10
    +150,93 (+0,51%)
     
  • NASDAQ

    13.177,50
    +122,25 (+0,94%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,8704
    +0,0083 (+0,12%)
     

Apenas um grande IPO nos EUA tinha conselho só de homens em 2020

Jeff Green
·1 minuto de leitura

(Bloomberg) -- A Dun & Bradstreet foi a única grande empresa a estrear na bolsa com um conselho formado exclusivamente por homens quando abriu capital no ano passado, um sinal de que o setor corporativo dos Estados Unidos cede cada vez mais às pressões para melhorar a diversidade entre seus diretores. A porcentagem de mulheres diretoras subiu para 24% entre empresas com as 25 maiores ofertas públicas iniciais dos EUA no ano passado, de acordo com análise anual do 5050 Women on Boards, um grupo que busca a paridade de gênero no alto comando. O número se compara a 21% no ano anterior e é significativamente maior do que nos cinco anos anteriores, quando a proporção repetidamente não passava de 12%.Duas das empresas, Rocket Cos. e Reynolds Consumer Products, abriram capital com conselhos com igualdade de gênero. Empresas norte-americanas têm priorizado a contratação de diretoras, já que grandes investidores, como BlackRock e State Street Global Advisors, pressionam para que a composição de gênero nas salas de diretoria reflita a população em geral. As empresas também atenderam mais apelos para melhorar a diversidade racial e étnica de seus conselhos, após o assassinato de George Floyd pela polícia em 2020 nos EUA, o que chamou a atenção para as desigualdades que pessoas não brancas enfrentam em uma variedade de esferas.

For more articles like this, please visit us at bloomberg.com

Subscribe now to stay ahead with the most trusted business news source.

©2021 Bloomberg L.P.