Mercado fechado

Aparelho futurista “envia” sons para seus ouvidos sem uso de fones ou fios

Ramon de Souza
·2 minuto de leitura

Imagine poder escutar algo de forma privada sem usar fones de ouvido ou qualquer outro aparelho eletrônico em seu corpo. Pode até parecer coisa de filme de ficção científica, mas estamos falando do SoundBeamer, um curioso invento da startup israelense Noveto. Trata-se de um gadget com design similar a de um speaker, mas que transmite sons diretamente para os ouvidos do usuário. Apenas ele escutará o que está sendo emitido.

Bizarro, não é mesmo? O SoundBeamer nada mais é do que um protótipo para testar a tecnologia proprietária da Noveto batizada de SoundBeaming. A ideia é revolucionar o mercado de áudio ao proporcionar uma experiência tridimensional privada, além de baratear os custos envolvidos em montar um setup para apreciar um sistema de som 3D. A solução pode ser usada para fins de entretenimento ou para aprimorar videochamadas.

“O SoundBeaming funciona usando ondas ultrassônicas e filtragem espacial para colocar o som fora dos seus ouvidos. As ondas são geradas usando algoritmos DSP proprietários desenvolvidos pela Noveto e lançadas no ar por meio de uma matriz de transdutores personalizada”, explica a companhia em seu site oficial. Diferente do que você pode imaginar, não é necessário se manter exatamente na frente do aparelho para usá-lo.

<em>Imagem: Divulgação/Noveto</em>
Imagem: Divulgação/Noveto

“Um módulo de detecção 3D embutido no hardware localiza e rastreia a posição de seus ouvidos em tempo real, ponto no qual as ondas ultrassônicas convergem em pequenos bolsões de som fora dos ouvidos. Aqui, o som pode ser ouvido novamente como ondas acústicas normais sem perturbar os outros. Mova sua cabeça em qualquer direção e os dois bolsos de som o seguirão de forma mágica”, concluem os israelenses.

A Noveto pretende lançar o SoundBeamer 1.0 — versão projetada para demonstrar a solução comercialmente — em dezembro de 2021, sendo que o gadget poderá ser usado junto com qualquer dispositivo via Bluetooth. Porém, a companhia também planeja licenciar a SoundBeaming para outras fabricantes interessadas em embutir a tecnologia em seus próprios produtos.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: