Mercado abrirá em 3 h 19 min
  • BOVESPA

    107.937,11
    -1.004,57 (-0,92%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.890,59
    -708,79 (-1,37%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,72
    +0,41 (+0,49%)
     
  • OURO

    1.840,40
    -1,30 (-0,07%)
     
  • BTC-USD

    36.162,13
    +998,28 (+2,84%)
     
  • CMC Crypto 200

    820,83
    +10,23 (+1,26%)
     
  • S&P500

    4.410,13
    +12,19 (+0,28%)
     
  • DOW JONES

    34.364,50
    +99,13 (+0,29%)
     
  • FTSE

    7.326,17
    +29,02 (+0,40%)
     
  • HANG SENG

    24.243,61
    -412,85 (-1,67%)
     
  • NIKKEI

    27.131,34
    -457,03 (-1,66%)
     
  • NASDAQ

    14.197,25
    -303,75 (-2,09%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2156
    -0,0131 (-0,21%)
     

Após segundo título da Libertadores, Abel Ferreira deixa futuro aberto no Palmeiras

·1 min de leitura
Palmeiras tem se reforçado e dado opções para Abel Ferreira trabalhar (Foto: Juan Mabromata/AFP)


Abel Ferreira conduziu o Palmeiras ao segundo título da Libertadores em menos de um ano ao derrotar o Flamengo no Estádio Centenário. Em entrevista coletiva após a conquista, o treinador foi questionado a respeito de sua continuação no Verdão e deixou em aberto o futuro de sua carreira.


– Eu tenho que fazer uma reflexão muito grande. O clube já demonstrou a sua vontade. Sou grato ao Maurício e à Leila. Mas não consigo jogar em jogo, descanso e jogo. É desumano. Se quiserem crescer, precisamos abdicar da ida e volta. Isso tudo no tempo de Deus. Vou escolher o que for melhor para o Palmeiras – afirmou

Além disso, o comandante do Verdão também comentou acerca da cultura imediatista do futebol brasileiro, já criticada por ele em outras oportunidades. Segundo Abel, é possível evoluir na maneira comportamental com que o esporte é tratado no país.

– Tudo depende de Deus. Eu sou grato ao futebol brasileiro. Utilizo muito essa expressão. Foi o Palmeiras que me abriu as portas para ganhar títulos. Cheguei aqui com títulos e já levando paulada. Existe muita margem para melhorarmos no Brasil. O calendário é insano, é desumano – declarou.

Em pouco mais de um ano no comando do Palmeiras, Abel Ferreira conquistou três títulos, sendo dois da Libertadores e um da Copa do Brasil.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos