Mercado fechado
  • BOVESPA

    110.249,73
    +1.405,98 (+1,29%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.828,13
    +270,48 (+0,53%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,51
    +0,22 (+0,31%)
     
  • OURO

    1.774,80
    +11,00 (+0,62%)
     
  • BTC-USD

    40.857,36
    -2.502,82 (-5,77%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.016,33
    -47,52 (-4,47%)
     
  • S&P500

    4.354,19
    -3,54 (-0,08%)
     
  • DOW JONES

    33.919,84
    -50,63 (-0,15%)
     
  • FTSE

    6.980,98
    +77,07 (+1,12%)
     
  • HANG SENG

    24.221,54
    +122,40 (+0,51%)
     
  • NIKKEI

    29.839,71
    -660,34 (-2,17%)
     
  • NASDAQ

    14.986,75
    -22,75 (-0,15%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1816
    -0,0631 (-1,01%)
     

Após nova goleada, Renato minimiza recorde pessoal no Flamengo: 'Méritos são todos do grupo'

·2 minuto de leitura


Com cinco vitórias em cinco partidas, Renato Gaúcho igualou Cuca como o técnico com melhor início de trabalho no Flamengo no século 21. A última foi nesta quinta-feira, no Maracanã, ao golear o ABC por 6 a 0, pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil. Após o duelo, o treinador minimizou a meta alcançada e transferiu os méritos ao grupo rubro-negro.

+ ATUAÇÕES: Setor ofensivo comanda Flamengo em noite de gala contra o ABC; veja notas

- Os méritos todos são do grupo. Eu procuro, com a minha experiência, com o pouco tempo de treino que tenho... Tenho treinado eles muito na parte tática. Mas quem entra em campos são os jogadores. Não estou preocupado em atingir uma meta. O mais importante é buscar sempre as vitórias, como temos feito. São cinco vitórias, mas o importante é que a gente vem avançando no Brasileiro. Demos um passo importante na Copa do Brasil. Daqui a pouco acontece com qualquer time, vamos tropeçar. Importante é que temos dado continuidade no trabalho, jogando para vencer, e temos conseguido essas vitórias. A equipe tem feito o que é pedido dentro de campo.

Renato Gaúcho também comentou sobre as expectativas do Flamengo para o fim da temporada. Em grande fase, o clube está vivo nas disputas da Copa do Brasil, Libertadores e Campeonato Brasileiro.

- Aonde a gente vai chegar eu não sei. Eu quero chegar no topo de todas as competições. Eu gosto da volta olímpica, de vencer. É isso que eu passo para o meu grupo. Mas é degrau em degrau, sempre em busca de vitórias. É passando de fase na Libertadores e Copa do Brasil e chegando no pelotão da frente no Brasileiro. E o Flamengo na chegada é muito forte. Estou torcendo para que eles possam reabrir o Maracanã, porque nosso grupo é muito forte e vai ficar ainda mais forte com a torcida de volta.

+ Fla na cola do G-4: veja a tabela completa do Brasileirão

Com a classificação na Copa do Brasil encaminhada, o Flamengo volta as atenções para a disputa do Campeonato Brasileiro. A equipe volta a campo no domingo para enfrentar o Corinthians, na Neo Química Arena, pela 14ª rodada da competição.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos