Mercado fechado
  • BOVESPA

    121.880,82
    +1.174,91 (+0,97%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.219,26
    +389,95 (+0,80%)
     
  • PETROLEO CRU

    65,51
    +1,69 (+2,65%)
     
  • OURO

    1.844,00
    +20,00 (+1,10%)
     
  • BTC-USD

    48.423,93
    -2.312,21 (-4,56%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.398,33
    +39,77 (+2,93%)
     
  • S&P500

    4.173,85
    +61,35 (+1,49%)
     
  • DOW JONES

    34.382,13
    +360,68 (+1,06%)
     
  • FTSE

    7.043,61
    +80,28 (+1,15%)
     
  • HANG SENG

    28.027,57
    +308,90 (+1,11%)
     
  • NIKKEI

    28.084,47
    +636,46 (+2,32%)
     
  • NASDAQ

    13.398,00
    +297,75 (+2,27%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4040
    -0,0085 (-0,13%)
     

Após gol em estreia pelo São Paulo, Eder fala sobre seu físico: '30 minutos pareceram 90'

LANCE!
·3 minuto de leitura


O São Paulo voltou aos gramados após quase um mês de paralisação do Campeonato Paulista. O retorno foi em grande estilo, com uma goleada por 5 a 1 sob o São Caetano, no Morumbi. Após o jogo, porém, Eder, que fez um gol em sua estreia, falou um pouco sobre as dificuldades físicas.


CONFIRA A TABELA ATUALIZADA DO CAMPEONATO PAULISTA DE 2021!

O jogador de 34 anos foi muito questionado a respeito de seu físico quando chegou no Tricolor. As preocupações envolvem não somente a idade, mas o tempo que ficou sem jogar, a volta ao Brasil, que exige uma readaptação e o período de pausa pela pandemia.

Após a partida, o atacante foi questionado sobre a idade e sobre seu condicionamento. O camisa 23 disse que está bem, mas fez questão de salientar que o tempo sem jogos e o período de readaptação são, sim, complicadores.

- Acho que a idade é só um número, estou bem fisicamente, me sinto bem, é me adaptar ao modo de jogar. Não jogava desde novembro. Esses 30 minutos pareceram 90. Estou me dedicando - afirmou Eder.

Em sua chegada ao São Paulo, a idade foi tema de discussão e, inclusive, de pergunta. Quando questionado sobre a sua capacidade de entregar fisicamente já tendo 34 anos, o atacante fez questão de negar que isso é um problema, exaltando seu preparo.

- Estou me sentindo muito bem. A questão da idade é só um número. Tudo vem da cabeça. Acho que há alguns dias vi entrevista do Sergio Ramos sobre jogar até os 40 anos. Jogador ainda tem vontade de treinar, de se cuidar, idade é só número. Você fazendo tudo isso, se cuidando e treinando bem, tem todas as condições de dar sempre o melhor em campo - comentou.

Agora, Eder terá um desafio ainda maior: uma forte bateria de jogos pelo São Paulo, com pouco tempo de descanso entre eles. O Tricolor entra em campo novamente já na segunda-feira (12), tendo apenas o domingo (11) para descansar. No domingo e na segunda-feira, o time treinará no CT da Barra Funda.

O jogo de segunda-feira é contra o Red Bull Bragantino, no Morumbi, às 20h. Apenas dois dias depois, na quarta-feira (14), o time entra em campo novamente para enfrentar o Guarani, também no Morumbi, às 21h30. Na sexta-feira (16), por fim, o São Paulo vai ao Allianz Parque, às 22h para jogar contra seu rival, o Palmeiras.

Com uma bateria longa de jogos, Eder terá que se readaptar logo para que os mais de 30 minutos que jogará pela semana não pesem como mais.

A última partida oficial do atacante foi disputada em novembro de 2020, quando Eder defendia o Jiangsu Suning, da China. De lá para cá, Eder ficou sem clube e, ao chegar no São Paulo, teve que esperar a volta do futebol paulista devido à paralisação em decorrência da pandemia. Na volta, para coroar, a sequência de jogos será mais um desafio para o veterano.