Mercado fechado

Após falha, locais de prova do concurso do INSS devem sair nesta terça

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - Os locais da prova para o concurso público do INSS, que será realizada neste domingo (27), não foram divulgados nesta segunda-feira (21), conforme previa o edital.

Segundo o instituto, a Cebraspe, que organiza a avaliação, precisou fazer ajustes nos locais das provas, para alterar a distribuição dos candidatos. "A previsão é que os locais de prova sejam publicados no Diário Oficial da União de amanhã [terça]", afirmou a assessoria do INSS.

As provas objetivas terão a duração de 3 horas e 30 minutos e serão aplicadas no dia 27 de novembro de 2022, às 14 horas (horário de Brasília). Segundo o edital, o candidato deverá comparecer a seu local de provas com antecedência mínima de uma hora, com caneta esferográfica de tinta preta fabricada em material transparente, comprovante de inscrição e documento de identidade original.

O INSS não divulgou se haverá um novo link para a consulta do local. Segundo o edital divulgado no site da Cebraspe, o local de provas estaria disponível no link http://www.cebraspe.org.br/concursos/inss_22.

Com a nova falha na seleção, candidatos inscritos reclamaram nas redes sociais do atraso na divulgação dos resultados.

São mil vagas para a função de técnico do seguro social, e mais de 1 milhão de pessoas se inscreveram. A concorrência é de 1.024 pessoas por vaga.

Exige-se ensino médio completo para concorrer, e o salário é de R$ 5.905,79.

Será eliminado do concurso o candidato que, durante a realização das provas, for surpreendido portando:

- aparelhos eletrônicos, tais como wearable tech, máquinas calculadoras, agendas eletrônicas, telefones celulares, smartphones, tablets, ipods, gravadores, pen-drive, MP3 ou similar, relógio de qualquer espécie, alarmes, chaves com alarme ou com qualquer outro componente eletrônico, fones de ouvido ou qualquer transmissor, gravador ou receptor de dados, imagens, vídeos e mensagens etc.

- óculos escuros, protetor auricular, lápis, lapiseira/grafite, marca-texto ou borracha;

- quaisquer acessórios de chapelaria, tais como chapéu, boné, gorro etc;

- qualquer recipiente ou embalagem que não seja fabricado com material transparente, tais como garrafa de água, suco, refrigerante e embalagem de alimentos (biscoitos, barras de cereais, chocolate, balas etc.

A procura para se inscrever no concurso do INSS foi tão grande que o site da organizadora saiu do ar e foi necessário prorrogar o período de inscrições por mais um dia. No Twitter, candidatos relataram dificuldade para conseguir fazer a inscrição por problemas para recuperar a senha, fazer um novo cadastro ou apresentar o pedido de isenção.

A Cebraspe (antigo Cespe/UnB) é conhecida do público que se prepara para o concurso do INSS, pois foi a banca nas duas últimas edições. As 120 questões de múltipla escolha têm alternativas que devem ser classificadas como certas ou erradas (serão 50 perguntas de conhecimentos básicos e 70 de conhecimentos específicos), conforme o edital do concurso.

Como respostas erradas anulam acertos, a seleção penaliza o chute e dificulta o acerto por eliminação, apontam especialistas. Cada resposta correta valerá um ponto e a resposta errada representa um ponto negativo.