Mercado fechado
  • BOVESPA

    125.052,78
    -1.094,22 (-0,87%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.268,45
    +27,95 (+0,06%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,17
    +0,10 (+0,14%)
     
  • OURO

    1.802,10
    +0,30 (+0,02%)
     
  • BTC-USD

    34.532,23
    +420,49 (+1,23%)
     
  • CMC Crypto 200

    786,33
    -7,40 (-0,93%)
     
  • S&P500

    4.411,79
    +44,31 (+1,01%)
     
  • DOW JONES

    35.061,55
    +238,15 (+0,68%)
     
  • FTSE

    7.027,58
    +59,28 (+0,85%)
     
  • HANG SENG

    27.321,98
    -401,82 (-1,45%)
     
  • NIKKEI

    27.548,00
    +159,80 (+0,58%)
     
  • NASDAQ

    15.091,25
    -6,75 (-0,04%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1216
    +0,0014 (+0,02%)
     

Autoridades da Flórida dizem que dezenas estão desaparecidos em desabamento de prédio à beira-mar

·3 minuto de leitura

Por Marco Bello e Rich McKay

SURFSIDE, Flórida (Reuters) – Equipes de resgate próximas de Miami buscavam nesta quinta-feira, entre toneladas de escombros, qualquer sinal de sobreviventes no local de um desabamento de parte de uma torre residencial de frente para o mar, que aconteceu durante a madrugada, deixando pelo menos uma pessoa morta e quase 100 desaparecidas, segundo autoridades.

Sally Heyman, uma comissária do condado de Miami-Dade, disse que as autoridades não conseguiram contatar 51 indivíduos que “supostamente” moravam no prédio.

O diretor da polícia de Miami-Dade, Freddy Ramirez, afirmou posteriormente a jornalistas que 99 pessoas estão desaparecidas e 53 outras cujos paradeiros eram inicialmente desconhecidos foram localizadas desde então, embora ele não tenha dito se todos do segundo grupo estão vivos.

“Equipes de resgate e bombeiros estão no local com seus cães de busca. É um local muito perigoso no momento. Muito instável”, disse Ramirez a jornalistas. “Eles estão no modo de busca e resgate, e ficarão nesse modo por um tempo. Eles não vão desistir e irão trabalhar por toda a noite. Eles não vão parar.”

Ramirez disse que os números de vítimas e pessoas desaparecidas devem provavelmente flutuar.

“Eu não quero criar falsas expectativas”, declarou. “Essa situação é muito trágica para aquelas famílias e para a comunidade.”

Uma autoridade dos bombeiros disse que 35 pessoas foram resgatadas do edifício em Surfside, um enclave à beira-mar de 5.700 moradores em uma ilha-barreira na Baía de Biscayne, perto de Miami. Duas pessoas foram resgatadas dos escombros enquanto as equipes de resgate utilizam drones e cachorros na busca por sobreviventes.

Autoridades dizem que o prédio, construído em 1981, estava passando por um processo de recertificação, necessitando de consertos e que um outro prédio estava sendo construído ao lado, embora a causa do desabamento ainda não esteja clara.

“É difícil imaginar como isso poderia ter acontecido”, disse o prefeito de Surfside, Charles Burkett, a repórteres. “Prédios não caem simplesmente.”

Imagens de uma emissora de TV de Miami mostraram a equipe de resgate retirando um menino de pilhas de destroços e bombeiros usando escadas de caminhões de bombeiros para resgatar residentes presos nas varandas.

Burkett disse que parte do prédio com varandas voltadas para a praia teve um efeito cascata com um andar desabando sobre o outro.

“A parte de trás do prédio, provavelmente um terço ou mais, está totalmente destruída”, afirmou.

Ele também disse que o desabamento parece ter afetado 30 unidades do prédio.

Barry Cohen e sua esposa foram resgatados do prédio.

“No início, parecia um relâmpago ou trovão”, disse Cohen, ex-vice-prefeito de Surfside e morador do prédio, a repórteres no local. “Mas então continuou –de forma constante por pelo menos 15 a 30 segundos– continuou indo e indo e indo.”

Cohen também disse que havia uma obra no topo do prédio por mais de um mês.

A Polícia de Miami-Dade assumiu o controle da investigação. Mais de 80 unidades de resgate e bombeiros foram acionadas, escreveu o Departamento de Bombeiros do Condado de Miami-Dade em mensagem no Twitter nesta quinta-feira.

Um vídeo de uma testemunha obtido pela Reuters mostrou vizinhos se reunindo do outro lado da rua em meio aos escombros. Pode-se ouvir uma pessoa dizendo: “todo esse edifício aqui, está completamente destruído”.

(Por Marco Bellow em Surfside, Flórida; reportagem adicional de Radhika Anilkumar em Bengaluru, Rich McKay em Atlanta e Peter Szekely em Nova York)

This article was originally posted on FX Empire

More From FXEMPIRE:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos