Mercado fechado

Aneel autoriza operação da última turbina de Belo Monte

Rafael Bitencourt

Usina se torna a maior geradora de energia 100% nacional, passando operar com toda a potência instalada, de 11,2 mil megawatts (MW) A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) autorizou nesta terça-feira a operação comercial da 18ª turbina da casa de força principal da usina hidrelétrica de Belo Monte, no rio Xingu (PA). Com o funcionamento da última unidade de geração, a usina se torna a maior geradora de energia 100% nacional, passando operar com toda a potência instalada — 11,2 mil megawatts (MW).

A liberação foi formalizada em solenidade na sede da Aneel que contou com a presenta da diretoria da agência, representante do Ministério de Minas e Energia e do diretor presidente da Norte Energia, Paulo Roberto Ribeiro Pinto.

De acordo com a Aneel, a usina gerou mais de 30 mil empregos em sua fase de obras. A energia produzida pelo empreendimento levará energia a cerca de 60 milhões de pessoas em todo o país.

A concessão do projeto de Belo Monte foi leiloada pela Aneel em 2010 e arrematada pelo consórcio Norte Energia. O contrato de concessão da usina vale por 35 anos, contados a partir de agosto de 2010.

Usina de Belo Monte, no Pará, recebeu a autorização para colocar em funcionamento a 18ª turbina

valor