Mercado fechará em 2 h 31 min
  • BOVESPA

    109.840,84
    -299,80 (-0,27%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    53.967,36
    +92,45 (+0,17%)
     
  • PETROLEO CRU

    76,15
    +0,27 (+0,36%)
     
  • OURO

    1.880,50
    -50,30 (-2,61%)
     
  • BTC-USD

    23.650,07
    -193,68 (-0,81%)
     
  • CMC Crypto 200

    540,56
    +3,70 (+0,69%)
     
  • S&P500

    4.173,94
    -5,82 (-0,14%)
     
  • DOW JONES

    34.121,53
    +67,59 (+0,20%)
     
  • FTSE

    7.895,67
    +75,51 (+0,97%)
     
  • HANG SENG

    21.660,47
    -297,89 (-1,36%)
     
  • NIKKEI

    27.509,46
    +107,41 (+0,39%)
     
  • NASDAQ

    12.833,50
    -13,25 (-0,10%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,5565
    +0,0668 (+1,22%)
     

Android 13 pode ter ícones temáticos do Material You para todos os apps

A beta 2 do Android 13 QPR2 começou a realizar testes para gerar automaticamente ícones de aplicativos baseados no recurso Cores Dinâmicas, parte do conjunto visual do Material You. Os atalhos para programas e jogos devem seguir o esquema de cores do seu tema, extraído das tonalidades do seu fundo de tela do celular.

Na versão original do Android 13, o Google liberou cada desenvolvedor para criar seu próprio ícone temático. Isso significa que além dos serviços da empresa, é possível também usar atalhos monocromáticos de terceiros, deixando a aparência do seu celular mais harmonizada com uma cor única. Por exemplo: em vez de usar as marcas multicoloridas do Google TV e do Drive, você pode aplicar um tema para deixar os ícones azuis com branco.

O problema é que tal medida exigia trabalho extra dos desenvolvedores, e muitos não viram uma razão plausível para fazê-lo. O atalho do Twitter é adaptado ao tema configurado pelo usuário, mas o Instagram (e seu visual degradê) não é.

Ícones que não tinham suporte ao estilo monocromático de cores ganharão a coloração automaticamente, como <a class="link " href="https://canaltech.com.br/empresa/netflix/" rel="nofollow noopener" target="_blank" data-ylk="slk:Netflix">Netflix</a>, <a class="link " href="https://canaltech.com.br/produto/google/stadia/" rel="nofollow noopener" target="_blank" data-ylk="slk:Stadia">Stadia</a> e Pixelator (Imagem: Reprodução/9to5Google)
Ícones que não tinham suporte ao estilo monocromático de cores ganharão a coloração automaticamente, como Netflix, Stadia e Pixelator (Imagem: Reprodução/9to5Google)

Com a novidade, não será mais preciso que as empresas criem os apps combinando com o estilo. O próprio Android 13 QPR2 terá um sinalizador interno que vai aplicar essa camada de cor em cima do ícone original, se o usuário quiser. No exemplo acima, é possível notar tonalidades de verde, já que o papel de parede tinha folhas.

Material You com visual ainda mais uniforme

Quem não curtir a coloração alterada poderá desativar o recurso para usar o ícone original. Se a ideia é manter o monocromatismo, mas trocar a cor atual, é só mudar o papel de parede ou escolher outro tema, assim o Android fará a reconfiguração das tonalidades.

Adicionado no Android 12, o Material You ainda não foi plenamente introduzido devido à necessidade de contar com o apoio das outras empresas. Para não depender de ninguém, o Google tem desenvolvido maneiras de tornar esse padrão visual mais simples para todos.

Segundo o site 9to5Google, os "ícones temáticos forçados" ainda são uma exclusividade da linha de celulares Pixel, os únicos a receberam a versão Beta 2 do Android 13 QPR2. Como ainda está em fase de testes, e escondido por um sinalizador, não dá para saber se a novidade chegará na versão estável.

Caso isso aconteça, é provável que futuramente outras fabricantes façam ajustes para liberar a adição em suas interfaces personalizadas, como na One UI 5.1 (Samsung) ou no LineageOS 20. Em geral, as principais empresas costumam adicionar as melhorias do Android puro em seus softwares, assim os usuários ficam sempre em dia com as principais atualizações do sistema operacional móvel do Google.

Ontem (9), o Google Mensagens recebeu mais retoques visuais com base na Material You. O aplicativo da Pesquisa do Google também parece ainda estar recebendo melhorias para ficar alinhado ao design moderno, como descobriu ontem um programador chamado Dylan Roussel.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: