Mercado fechado
  • BOVESPA

    122.038,11
    +2.117,50 (+1,77%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.249,02
    +314,11 (+0,64%)
     
  • PETROLEO CRU

    64,82
    +0,11 (+0,17%)
     
  • OURO

    1.832,00
    +16,30 (+0,90%)
     
  • BTC-USD

    57.359,61
    -1.096,00 (-1,87%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.480,07
    +44,28 (+3,08%)
     
  • S&P500

    4.232,60
    +30,98 (+0,74%)
     
  • DOW JONES

    34.777,76
    +229,23 (+0,66%)
     
  • FTSE

    7.129,71
    +53,54 (+0,76%)
     
  • HANG SENG

    28.610,65
    -26,81 (-0,09%)
     
  • NIKKEI

    29.357,82
    +26,45 (+0,09%)
     
  • NASDAQ

    13.715,50
    +117,75 (+0,87%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3651
    -0,0015 (-0,02%)
     

Android 12 "vaza" e tem diversos novos recursos e telas revelados

Alveni Lisboa
·6 minuto de leitura

O Android 12 deve chegar no início do segundo semestre deste ano, mas desde o final de 2020 que os usuários têm recebido novidades sobre o popular sistema operacional do Google. Na semana passada, foram detalhadas as novidades do Developer Preview 2.2 e a versão 3 deve chegar a qualquer momento — desde fevereiro que a comunidade recebe atualizações constantes do sistema.

Muitas coisas foram reveladas pela própria empresa, mas outras só foram descobertas graças a vazamentos e pela análise do código-fonte. Mesmo assim, a cada novo lançamento surgem novidades que se somam às anteriores para elevar ainda mais a expectativa do lançamento final.

Com ajuda do pessoal do XDA Developers, que teve acesso a uma versão mais recente e exclusiva do sistema, o Canaltech listou as principais mudanças do Android 12 até agora. Confira!

Capturas de tela estendidas

O suporte nativo para fazer capturas de tela maiores é uma demanda antiga de usuários, o que permitiria colocar todo o conteúdo desejado em apenas uma imagem. Hoje são necessários vários prints diferentes para registrar, por exemplo, uma página da web por inteiro.

(Imagem: Reprodução/XDA-Developers)
(Imagem: Reprodução/XDA-Developers)

Inicialmente, o Android 12 permitiria usar a rolagem para fazer capturas na vertical do que ia além do exibido na tela. Agora, porém, o recurso parece ter sido aprimorado para facilitar ainda mais a captura: uma nova tela expandida é aberta para dar ao usuário a possibilidade de selecionar manualmente a área que deseja registrar. Por que restringir a captura à resolução da tela se, muitas vezes, é necessário algo muito maior, não é?

Dois aplicativos na mesma tela

Um recurso que sempre foi muito solicitado era a possibilidade de usar dois aplicativos simultâneos na mesma tela. Não se trata de multitarefa, pois isto já existe há quase uma década, e sim de dividir o visor do Android 12 para rodar duas aplicações lado a lado em uma funcionalidade chamada App Pars (pares de aplicativos, em tradução livre).

(Imagem: Reprodução/XDA-Developers)
(Imagem: Reprodução/XDA-Developers)

Com isso, dá para abrir o navegador enquanto usa o WhatsApp ou escrever anotações enquanto assiste a um vídeo no Youtube. Há também um botão chamado “Fixar no Topo”, que permitirá definir quem fica em cima e quem estará abaixo no display. Enquanto apenas um estiver aberto, ele deve ocupar 1/4 da tela, mas passará a ser meio a meio assim que outro app começar a rodar. Se o usuário preferir, dá para ajustar o tamanho de cada tela ao seu gosto.

Novos emojis

Ah, o que seria da internet sem os emojis, não é? Apesar de muita gente usar mods ou aplicativos para adicionar mais reações aos seus celulares, o Android 12 contará com uma nova coleção de imagens.

(Imagem: Reprodução/XDA-Developers)
(Imagem: Reprodução/XDA-Developers)

Novas configurações de Wi-Fi e Internet

Em razão da chegada do 5G, os novos sistemas operacionais trazem diversos novos recursos de conectividade. No Android 12, o nome Wi-Fi agora passa a se chamar apenas “Internet”. Aliás, toda essa parte de nomes relacionadas às redes sem fio foi reformulada para facilitar a comunicação com o usuário.

Já no que diz respeito a mudanças, há uma nova configuração para ampliar a compatibilidade do dispositivo com o recurso de pontos de acesso. Essa novidade permite alterar, por exemplo, a frequência do ponto de 5GHz (padrão) para 2,4 GHz (compatível com aparelhos mais antigos).

O sistema também facilitou o processo da estimativa de largura de banda para desenvolvedores. Na prática, isso significa que um aplicativo tem agora acesso a dados mais precisos das velocidades de internet atingidas pelo smartphone de acordo com a operadora de telefonia, com o SSID do Wi-Fi conectado, com o tipo de rede utilizado e com a força do sinal, para todos os usuários.

Acesso de apps à área de transferência

Uma das mudanças significativas do Android 10 foi o bloqueio do acesso à área de transferência em segundo plano. Desde então, os aplicativos não podem mais ler este tipo de conteúdo se não estiverem em primeiro plano ou definidos como o aplicativo de teclado padrão.

Um aviso comunica que o Chrome colou o texto copiado (Imagem: Reprodução/XDA-Developers)
Um aviso comunica que o Chrome colou o texto copiado (Imagem: Reprodução/XDA-Developers)

No Android 12, o Google está testando um novo botão para mostrar o acesso à área de transferência. Quando ativado, vai enviar uma notificação sempre que um aplicativo acessar o conteúdo. Pode parecer algo pequeno, mas isso ajuda a denunciar apps maliciosos que tentam roubar dados pessoais.

Permissões aprimoradas de notificação

O novo sistema permitirá a definição de quais tipos de notificações podem ser interceptadas por outros aplicativos. Essa deve ser uma mudança que afetará os chamados ouvintes de notificação, aplicativos capazes de transpor suas mensagens do celular para outras plataformas — centrais multimídia em carros, relógios e acessórios de automação residencial.

Será possível definir que tipo de acesso será concedido com base em categorias definidas como conversas, padrões do sistema, em tempo real e outras. A ideia é fazer com que o usuário saiba o que pode estar sendo rastreado no seu uso cotidiano.

Acesso à sua localização

O Android já tinha feito uma mudança na forma como os apps de terceiros acessam a localização. Em vez de conceder permanentemente o monitoramento 24 horas por dia em segundo plano, o sistema pergunta se deseja liberar o acesso e se isso será apenas desta vez ou permanente.

(Imagem: Reprodução/XDA-Developers)
(Imagem: Reprodução/XDA-Developers)

No Android 12, essa funcionalidade foi mantida e refinada para tornar a escolha mais simples. Logo de cara, duas imagens já diferenciam o tipo de acesso liberado: preciso ou aproximado. As demais opções continuam lá e o usuário continua sendo o dono do poder.

Denúncia de apps que usam recursos do celular

O novo Android será mais “dedo-duro”, mas por uma boa razão. O sistema revelará quais aplicativos abertos estão com acesso ao microfone, câmera e localização. A ideia é que essas informações sejam destacadas sempre que um novo app fizer o uso. Os avisos permanecerão sendo mostrados na barra de status enquanto a coleta estiver ativa.

Novos paineis de volume e brilho

O controle de volume do Android foi reformulado para ser mais destacado na interface. Ele agora é maior e mais arredondado, além de mudar de cor conforme o tema rodando no sistema. O gerenciamento de brilho também acompanha o novo design deslizante do volume: começa espesso e afina para mostrar que ainda pode ser reduzido ou ampliado.

(Imagem: Reprodução/XDA-Developers)
(Imagem: Reprodução/XDA-Developers)

Efeitos reformulados

O Android 12 praticamente repaginou o conjunto de efeitos dentro do sistema, como aqueles de ondulação, quando não há como rolar mais a tela para baixo e na chamada “gaveta de aplicativos” — ao arrastar o dedo para cima na home e revelar todos os apps. Outra novidade é o efeito de carregamento do celular, que passa a ser estilo cascata, começando de baixo e indo até o topo da tela, como em uma onda.

Pode ser que ainda cheguem muitas outras novidades em versões futura, mas, com o que já existe até o momento, o Android 12 justifica a necessidade de atualizar o celular. São adições muito bem-vindas que focam em segurança, concedem mais controle para o usuário e ainda modernizam o visual deste que é o sistema operacional mais popular do mundo.

O que tem achado até agora do Android 12? Está ansioso para a chegada dele? Deixe sua opinião nos comentários.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: