Anbima preocupa-se com incentivo a mercado de IPOs

A presidente da Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima) Denise Pavarina disse que tem preocupação com o que chamou de "incentivo perverso" para o potencial mercado de IPOs de empresas pequenas e médias. "Não queremos que as pessoas comprem só porque existe isenção", afirmou. A desoneração para abertura de capital de empresas menores é um dos temas em discussão no governo para incentivar esse mercado.

Recentemente o Ministério da Fazenda indicou que deve dar incentivos fiscais para que pessoas físicas comprem ações de empresas pequenas e médias. Também existe uma demanda do mercado para que as companhias possam abater do imposto de renda os gastos decorrentes do IPO. Na avaliação de Denise, a lógica de desonerar a pessoa física parece melhor. Segundo ela, a isenção paras companhias não teria grande impacto sobre os lucros.

A presidente da Anbima acredita que existe demanda de investidores, inclusive estrangeiros, para IPOs de empresas brasileiras. Ela concordou que os investidores de fora estão mais arredios em relação ao Brasil. "Mas não estamos riscados do mapa e ninguém resiste a uma boa história", disse, sobre IPOs em geral. A dirigente participou de almoço de confraternização com a imprensa, em São Paulo.

Carregando...