Mercado fechado
  • BOVESPA

    114.064,36
    +1.782,08 (+1,59%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.464,27
    +125,93 (+0,25%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,24
    -0,06 (-0,08%)
     
  • OURO

    1.742,80
    -7,00 (-0,40%)
     
  • BTC-USD

    44.743,05
    +1.340,57 (+3,09%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.119,18
    +10,26 (+0,92%)
     
  • S&P500

    4.448,98
    +53,34 (+1,21%)
     
  • DOW JONES

    34.764,82
    +506,50 (+1,48%)
     
  • FTSE

    7.078,35
    -5,02 (-0,07%)
     
  • HANG SENG

    24.510,98
    +289,44 (+1,19%)
     
  • NIKKEI

    29.639,40
    -200,31 (-0,67%)
     
  • NASDAQ

    15.296,00
    +132,50 (+0,87%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2253
    +0,0165 (+0,27%)
     

Analista faz alerta: “Não confie no ‘trapaceiro’ Michael Saylor”

·5 minuto de leitura
Imagem: MicroStrategy Youtube
Imagem: MicroStrategy Youtube

Michael Saylor, CEO da MicroStrategy, se tornou um dos grandes apoiadores do Bitcoin e uma das figuras mais celebradas pelos investidores que apostam na maior criptomoeda do mundo. No entanto, para Mr. Whale, conhecido membro do criptomercado, os objetivos de bilionário podem ser muito mais obscuros do que seus fãs imaginam.

Em um artigo publicado em seu Medium, Mr. Whale afirmou que, enquanto Saylor é celebrado por muitos maximalistas do Bitcoin como um visionário, a sua agenda “se torna clara” ao observar o passado “corrupto e fraudulento” do CEO da MicroStrategy.

“Enquanto muitos maximalistas de Bitcoin vêm Saylor como um visionário e vêm a compra da MicroStrategy como um exemplo de ‘demanda institucional massiva’, uma agenda muito mais sinistra se torna muito clara ao mergulharmos no passado corrupto, fraudulento e cercado de drogas de Michael Saylor.”

Michael Saylor “trapaceiro”

O artigo destaca diferentes pontos do passado de Saylor que, segundo o autor, mostram que os investidores de Bitcoin não podem confiar tanto em Michael Saylor.

Um dos fatos destacados é que Saylor foi o “maior perdedor” da Bolha .Com. Mr. Whale disse que após ver Saylor se envolver com o Bitcoin, ele decidiu pesquisar mais sobre o passado do CEO do Microstrategy e descobriu suas falhas como investidor.

Whale relata que encontrou um artigo em que, ao usar dados do Thompson Financial e da Bloomberg, a Fortune Magazine fez uma lista de quem foi atingindo mais pesado pela bolha tecnológica.

No primeiro lugar do rank estava ninguém menos do que Michael Saylor, que perdeu US$ 13,5 bilhões, que tinha sido a maior perda financeira da história (naquela época).

“Os seus fracassos com investimentos vieram de anos de praticas negligentes de contabilidade, fraude e e uma terrível liderança. É óbvio que a valorização das suas companhias é puramente baseada na sua habilidade de atrair hype ao engajar com tendências populares, como foi estar no centro da Bolha .Com e agora como é com a bolha do Bitcoin.”

“Michael Saylor foi acusado de fraude pela SEC”

Mr. Whale também disse ter encontrado informações sobre acusações de fraude contra as companhias de Michael Saylor.

Segundo o artigo, a bolha da internet ajudou a elevar as ações de Saylor de US$ 30 para mais de US$ 3.000 em apenas alguns anos, mas tudo isso foi revertido em uma queda de mais de 99.9%. Whale também afirma que a companhia foi obrigada a restaurar os seus dados de contabilidade, que teve todas as informações de lucro apagadas.

“No dia 14 de dezembro de 2000, a SEC abriu uma investigação contra Michael Saylor, acusando ele de ser uma fraude.”

O artigo também afirma que a investigação foi resolvida com um acordo de US$ 8.3 milhões divididos entre os acionistas das ações de Saylor e uma multa de US$ 350 mil dada pela SEC.

“A SEC também revelou que ao invés de ter lucro (como ele afirmava) na verdade ele estava perdendo dinheiro. MicroStrategy estava basicamente se mantendo por novos investidores que eles conseguiam através do hype (…) Me parece bastante como um esquema Ponzi.”

O artigo no Medium também afirma que Michael Saylor não é um apoiador do Bitcoin e que na verdade ele não gosta da criptomoeda, afirmando no passado que a moeda digital não tem nenhum valor intrínseco e são apenas ativos de apostas.

“Seus últimos tweets mostram que ele sempre criticou o Bitcoin e até mesmo afirmou que a moeda iria sofrer o mesmo destino das apostas online.”

Tweets antigos de Michael Saylor criticando o Bitcoin, dizendo que a moeda não tem valor intrínseco.
Tweets antigos de Michael Saylor criticando o Bitcoin, dizendo que a moeda não tem valor intrínseco.

Whale acusa Saylor de usar a Hype do Bitcoin para atrair novos investidores para o Bitcoin e para as ações de suas companhias, o que ele permite que insiders vendam a preços supervalorizados.

Em um momento ele afirma que Saylor é esperto e vai dar um exit scam no futuro. Whale então afirma que “se Saylor vendesse, ele seria questionado pela SEC e sofreria várias criticais (Lembra o que aconteceu quando Musk vendeu seus Bitcoins?)”

O comentarista continua, afirmando que Saylor está tentando enganar os investidores para que ele e sua empresa possam vender na alta e sair ganhando enquanto prejudica o mercado.

“Esse é um movimento típico que as instituições adoram fazer. Eles animam os pequenos varejistas a comprar na alta, enquanto eles vendem. Eles precisam de liquidez de saída para conseguir completar suas ordens. Você deve sempre tomar cuidado com isso.”

Manipulação de mercado por bilionários

Para alguns, Michael Saylor é um grande apoiador do Bitcoin, para outros, no entanto, ele é um bilionário que está acumulando a moeda digital e pode manipular todo o mercado através de sua influencia.

O assunto já foi discutido por Satoshi Nakamoto em 2009, quando os primeiros entusiastas da moeda digital cogitaram a possibilidade de manipulação e ataque contra o Bitcoin dessa forma.

“[bilionários] podem comprar [bitcoin] enquanto estão baratos, aumentar artificialmente seu valor, fazendo com que as pessoas invistam, e depois quebram o mercado, fazendo com que muitas pessoas percam dinheiro.”

“Acho que o maior problema, como outros mencionaram, é a compra / venda de interesses sombrios para criar bolhas especulativas e quedas em seguida. Eles podem orquestrar esses eventos em momentos críticos (durante o lançamento de uma versão ou evento de mídia) para desencorajar novos usuários.”

Satoshi Nakamoto respondeu que o evento pode realmente acontecer, como já é visto em postagens de bilionários como Elon Musk, que manipulam o mercado sempre que podem, mas o poder de influencia deles é limitado.

“O que o OP descreveu é chamado de “encurralar o mercado”. Quando alguém tenta comprar todo o suprimento mundial de um ativo escasso, quanto mais compra, mais alto sobe o preço. Em algum ponto, fica muito caro para eles comprarem mais. – disse Satoshi Nakamoto.

“Michael Saylor é um ex-viciado em crack

Em um determinado momento do seu artigo Mr. Whale afirma que Michael Saylor é um ex viciado em cocaína e crack. Ele até mesmo informa o processo em que Saylor foi indiciado por posse de drogas.

Ele colocou prints do processo para substanciar o seu argumento.

No entanto, leitores apontaram que tanto o link do processo quanto o print não têm nenhuma ligação com um caso ligado ao verdadeiro Michael Saylor, mas sim com alguém com nome igual.

“O processo que você linkou ao Michael Saylor é sobre alguém que está atualmente preso e está apelando por uma redução de sentença. Esse não é o Michael Saylor certo (…) Tanto o print quanto o link que você forneceu indicam que você está falando da pessoa errada, ambos de Indiana, Saylor não vive e nem nunca viveu em Indiana…”

Fazer a pesquisa é muito importante antes de você investir em qualquer criptomoeda ou decidir seguir qualquer influenciador que têm a ver com o setor financeiro.

Mas isso também significa que você deve pesquisar bem em relação aos críticos e ao que é falado de negativo em relação a diferentes aspectos.

Fonte: Livecoins

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos