Mercado fechado
  • BOVESPA

    110.036,79
    +2.372,79 (+2,20%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    44.626,80
    -475,80 (-1,05%)
     
  • PETROLEO CRU

    81,81
    +2,32 (+2,92%)
     
  • OURO

    1.672,10
    +0,10 (+0,01%)
     
  • BTC-USD

    19.209,46
    -103,07 (-0,53%)
     
  • CMC Crypto 200

    443,49
    +0,06 (+0,01%)
     
  • S&P500

    3.585,62
    -54,85 (-1,51%)
     
  • DOW JONES

    28.725,51
    -500,09 (-1,71%)
     
  • FTSE

    6.893,81
    +12,22 (+0,18%)
     
  • HANG SENG

    17.222,83
    +56,93 (+0,33%)
     
  • NIKKEI

    25.937,21
    -484,89 (-1,84%)
     
  • NASDAQ

    11.016,75
    -18,75 (-0,17%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,3040
    +0,0060 (+0,11%)
     

Anabolizantes | Quem toma "bomba" pode ter traços de psicopatia, diz estudo

Será que homens que usam anabolizantes têm maior tendência para a psicopatia — como apresentarem um nível menor de empatia e não prezarem pelas regras de convívio social? É justamento isso que uma equipe de pesquisadores norte-americanos decidiu investigar em um pequeno estudo. Aparentemente, usar essas drogas pode ter relação a ter traços psicopáticos, mas estudos complementares são necessários.

Publicado na revista Scientific Reports, o estudo sobre traços psicopáticos e uso de anabolizantes foi liderado por pesquisadores da Universidade de Nova York, nos Estados Unidos. "Este estudo está entre os primeiros a avaliar diretamente a psicopatia em usuários de AAS", afirmam os autores.

Vale explicar que, apesar de anabolizantes ou "bombas" serem os nomes mais populares, cientificamente, essas formulações recebem o nome de esteroides anabólicos androgênicos (EAA). De origem natural ou sintética, são produzidas a partir da testosterona e de seus derivados. São usadas para melhora da performance esportiva e estética, mesmo que ilícitas.

"Fisiculturistas com histórico anterior de uso de EAA exibiram maiores chances de [apresentarem] traços psicopáticos, comportamentos de risco sexual, problemas de raiva e problemas físicos em comparação com aqueles sem histórico prévio", afirmam os autores.

Estudo observa que homens que usam anabolizantes têm mais traços psicopáticos que a média geral (Imagem: DragonImages/Envato)
Estudo observa que homens que usam anabolizantes têm mais traços psicopáticos que a média geral (Imagem: DragonImages/Envato)

Estudo investiga ligação entre anabolizantes e psicopatia

Para entender se há uma ligação entre os anabolizantes e os traços psicopáticos, a equipe de pesquisadores recrutou, de forma anônima, 492 homens fisiculturistas. A idade variava entre 18 a 47 anos. Cada voluntário respondeu um questionário online sobre o uso de anabolizantes, traços psicológicos, estilo de vida e comportamentos.

A partir das respostas, os autores alegam que foi possível analisar "se os usuários de EAA eram mais propensos do que os não usuários a exibir traços psicopáticos, comportamentos de risco (como compartilhar agulhas), problemas de raiva (como entrar em brigas), problemas emocionais (como ataques de pânico e depressão), problemas cognitivos (como dificuldades de memória) e problemas físicos (como queda de cabelo)".

O método de avaliação escolhido é bastante limitado e não permite a checagem dos pontos atestados pelos usuários de anabolizantes. Dessa forma, as descobertas também são limitadas e preliminares.

É possível falar que o anabolizante é a causa da psicopatia?

Por causa dessas limitações, os pesquisadores somente concluíram que pessoas que usam anabolizantes tendem a ter mais traços psicopáticos, só que isso pode ser apenas obra do acaso. "Pesquisas futuras devem se concentrar em determinar a causalidade, especificamente se a psicopatia é um risco associado ou resultado do uso de EAA", explicam os autores.

Por causalidade, é preciso destacar que o estudo não estabelece a ligação entre causa e efeito. Em outras palavras, o que se comprovou foi a relação entre os dois fatores, mas não se o uso de anabolizantes pode ser a causa da psicopatia.

O que sabemos sobre os riscos do uso de anabolizantes?

Além da nova associação com a psicopatia e os anabolizantes, os cientistas levantaram uma série de outros estudos que avaliavam como este tipo de droga interagia no organismo e afetava o comportamento.

Em pesquisas anteriores, foi apontado que "alguns usuários relatam delírios de grandeza e invencibilidade, enquanto outros experimentam depressão e vários distúrbios do humor. À medida que a dosagem aumenta, os usuários de EAA podem se tornar impulsivos, mal-humorados, agressivos ou até violentos".

Quando se olha para o cérebro de pessoas que usam anabolizantes, também é possível identificar algumas mudanças. "Em estudos recentes de imagem, o uso de EAA foi associado ao afinamento do córtex, à diminuição da massa cinzenta e ao aumento do volume da amígdala direita", relatam os pesquisadores.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: