Mercado fechará em 6 h 39 min
  • BOVESPA

    107.937,11
    -1.004,57 (-0,92%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.890,59
    -708,79 (-1,37%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,50
    +0,19 (+0,23%)
     
  • OURO

    1.838,40
    -3,30 (-0,18%)
     
  • BTC-USD

    36.335,07
    +2.742,29 (+8,16%)
     
  • CMC Crypto 200

    826,59
    +15,99 (+1,97%)
     
  • S&P500

    4.410,13
    +12,19 (+0,28%)
     
  • DOW JONES

    34.364,50
    +99,13 (+0,29%)
     
  • FTSE

    7.353,11
    +55,96 (+0,77%)
     
  • HANG SENG

    24.243,61
    -412,85 (-1,67%)
     
  • NIKKEI

    27.131,34
    -457,03 (-1,66%)
     
  • NASDAQ

    14.235,00
    -266,00 (-1,83%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2198
    -0,0089 (-0,14%)
     

Análise: Red Bull Bragantino e o 'choque de realidade' do Campeonato Brasileiro

·1 min de leitura


Desde o acesso do Red Bull Bragantino da maneira avassaladora como ocorreu em 2019 com o folgado título da Série B do Brasileirão, foi alimentada a possibilidade de que, diante do investimento e estrutura do trabalho desenvolvido, o Massa Bruta alimentou boas expectativas de desempenho no seu retorno a elite do futebol nacional.

A saída do técnico Antônio Carlos Zago rumo ao futebol japonês gerou a primeira grande intercorrência no novo projeto onde, apesar da divergência entre as partes, o clube de Bragança trouxe Felipe Conceição para seguir a sua filosofia da aliança entre jogo vistoso e eficiente.

Diante do atípico cenário da pandemia e a troca de comando, era esperado que o time não desempenhasse o seu potencial completo mesmo levando em conta o menor impacto econômico e a chegada, inclusive, de novas peças ao plantel para encorpar as opções do treinador.

A eliminação um tanto quanto frustrante no Paulistão para o Corinthians fazendo uma partida ruim pode ser considerada elemento pontual, o mata-mata pode proporcionar esses fenômenos (vide São Paulo x Mirassol). Até mesmo porque, em pontuação, o time conseguiu o direito de ser o mandante, fator que atestou a sua regularidade na fase de classificação.

Contudo, chegou o momento de disputar o Brasileirão e o Bragantino, em dez rodadas, tem apenas sete pontos conquistados e ocupa a lanterna do campeonato. Algo que, apesar de todas as ressalvas a serem feitas no aspecto físico e técnico diante do cenário global, passam bem longe do desempenho esperado.

Sendo assim, a conclusão mais próxima a ser tirada é que o Massa Bruta ainda parece viver o período de 'choque de realidade' onde está nas mãos atualmente do técnico Maurício Barbieri, dentro de campo, a missão de equiparar expectativa e realidade.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos