Mercado fechado
  • BOVESPA

    121.800,79
    -3.874,21 (-3,08%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.868,32
    -766,28 (-1,48%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,81
    -0,14 (-0,19%)
     
  • OURO

    1.812,50
    -0,10 (-0,01%)
     
  • BTC-USD

    41.129,67
    -598,89 (-1,44%)
     
  • CMC Crypto 200

    955,03
    +5,13 (+0,54%)
     
  • S&P500

    4.395,26
    -23,89 (-0,54%)
     
  • DOW JONES

    34.935,47
    -149,03 (-0,42%)
     
  • FTSE

    7.032,30
    -46,12 (-0,65%)
     
  • HANG SENG

    25.961,03
    -354,27 (-1,35%)
     
  • NIKKEI

    27.283,59
    -498,81 (-1,80%)
     
  • NASDAQ

    14.966,50
    +10,75 (+0,07%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1880
    +0,1475 (+2,44%)
     

Análise: Fluminense empata, Ganso se frustra, mas saldo da noite é positivo

·2 minuto de leitura

Paulo Henrique Ganso foi um dos beneficiados com a decisão de Roger Machado de poupar titulares na partida contra o Red Bull Bragantino. Aos 17 minutos do segundo tempo, foi sacado pelo técnico e deixou o campo insatisfeito. Balançou negativamente a cabeça, baixou o olhar ao cruzar com o treinador e murmurou palavras sentado no banco de reservas.

O balde de água fria que o jogador sentiu contrasta com a alegria que os torcedores do Fluminense tiveram depois do empate em 2 a 2 com o Red Bull Bragantino, ontem, em Bragança Paulista. O time carioca chegou a estar perdendo por 2 a 0 no Nabi Abi Chedid.

Frustrações de Ganso à parte, é preciso levar em consideração o contexto do jogo. O quinteto poupado foi de peso. Dificilmente o Fluminense conseguiria manter o nível sem Luccas Claro, Martinelli, Nenê, Gabriel Teixeira e Fred, todos de uma vez. Além disso, o adversário tem qualidade reconhecida. A classificação sobre o Red Bull na terceira fase da Copa do Brasil foi comemorada também pelo nível de oponente que o time conseguiu superar.

Ainda assim, o Fluminense conseguiu crescer no segundo tempo, quando já perdia por 2 a 0, gols de Lucas Evangelista e Artur, ambos antes do intervalo. Cercou o gol do Red Bull até que descontou, em cobrança de escanteio desviada por Bobadilla e concluída por Caio Paulista.

A frustração maior de Ganso se explica pela oportunidade perdida, mais uma, de ser mais útil neste Fluminense que, quando completo, já se provou ser realmente competitivo. Ele não fazia má partida. Mas tampouco estava em campo quando a pressão maior sobre o Red Bull aconteceu.

Nenê, que começou no banco, entrou nos minutos finais e novamente foi decisivo. Ele chutou a bola em gol, ela explodiu no braço de Fabrício Bruno na grande área e Leandro Vuaden apontou o pênalti. Abel Hernández foi o responsável pela cobrança, já nos acréscimos,e conseguiu o empate que reforça o bom momento que o Fluminense atravessa na temporada. Empate bom, ótimo pelo contexto da noite.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos