Mercado abrirá em 48 mins
  • BOVESPA

    108.095,53
    +537,86 (+0,50%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.056,27
    +137,99 (+0,27%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,15
    -0,21 (-0,29%)
     
  • OURO

    1.783,60
    -1,90 (-0,11%)
     
  • BTC-USD

    49.323,83
    +188,17 (+0,38%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.289,00
    -16,12 (-1,23%)
     
  • S&P500

    4.701,21
    +14,46 (+0,31%)
     
  • DOW JONES

    35.754,75
    +35,32 (+0,10%)
     
  • FTSE

    7.332,40
    -4,65 (-0,06%)
     
  • HANG SENG

    24.254,86
    +257,99 (+1,08%)
     
  • NIKKEI

    28.725,47
    -135,15 (-0,47%)
     
  • NASDAQ

    16.330,00
    -62,25 (-0,38%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,2672
    -0,0069 (-0,11%)
     

AmEx exige vacina a funcionários que voltam a escritório nos EUA

·2 min de leitura

(Bloomberg) -- A American Express exigirá que todos os seus funcionários estejam completamente imunizados contra a Covid-19 antes que possam voltar a trabalhar em seus escritórios dos Estados Unidos.

Most Read from Bloomberg

A exigência também se aplica a eventos presenciais patrocinados pela empresa, tanto em ambientes internos quanto externos, disse o CEO Steve Squeri em comunicado aos funcionários. A gigante dos cartões com sede em Nova York tinha mais de 22.000 funcionários nos EUA no final do ano.

“Nossa exigência de vacinação nos EUA não só fornecerá proteção adicional para ajudar a manter todos saudáveis, mas também permitirá que os colegas se sintam mais confortáveis quando voltarmos completamente ao escritório, um ponto-chave que eles expressaram nas pesquisas que realizamos”, disse Squeri no memorando.

Os principais empregadores nos Estados Unidos têm lidado com a exigência de vacinação depois que o presidente Joe Biden emitiu uma ordem executiva para que empresas com 100 funcionários ou mais exijam a imunização ou um teste semanal. Biden também ordenou que todos os indivíduos que apoiam contratos governamentais, bem como qualquer pessoa que trabalhe nos mesmos escritórios que esses funcionários, sejam totalmente vacinados.

Embora a AmEx esteja entre as primeiras grandes empresas financeiras a introduzir uma exigência mais ampla de vacina para sua força de trabalho nos Estados Unidos, ela não foi tão longe quanto o rival Citigroup, que anunciou a imunização como condição de emprego.

“Como já dissemos várias vezes, tomar a vacina é a melhor maneira de se proteger e combater a propagação da doença”, disse Squeri na nota. “Nós encorajamos os colegas que não foram vacinados a se tornarem totalmente imunizados.”

Abraçando o Híbrido

A AmEx não está planejando um amplo retorno aos seus escritórios antes de 24 de janeiro. Mesmo assim, a empresa disse que a grande maioria de seus funcionários dividirá seu tempo entre o escritório e o trabalho remoto.

A grande maioria dos funcionários da AmEx nos Estados Unidos já comunicou à empresa que está totalmente vacinada, disse Squeri no memorando. Os funcionários com problemas de saúde ou crenças religiosas que os impedem de receber a vacina podem pedir para trabalhar remotamente em tempo integral.

Embora os funcionários com esse tipo de regime não precisem ser vacinados, um pequeno número de trabalhadores que apoiam certos contratos com o governo federal deverá ser vacinado, mesmo que trabalhe em casa.

Com a nova exigência, Squeri disse que a empresa não pretende introduzir um programa obrigatório de testagem contra o coronavírus para os trabalhadores americanos. A empresa planeja flexibilizar a exigência de máscara em seus escritórios nos Estados Unidos nos próximos dias.

“O uso de coberturas faciais será opcional em espaços exclusivos da American Express”, disse Squeri. “Máscaras e medidas de distanciamento social ainda serão necessárias para os colegas da AmEx que frequentam espaços comuns com outros locatários em nossos edifícios, ou onde exigido por lei.”

Most Read from Bloomberg Businessweek

©2021 Bloomberg L.P.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos