Mercado fechado
  • BOVESPA

    128.405,35
    +348,13 (+0,27%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.319,57
    +116,77 (+0,23%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,50
    +0,46 (+0,65%)
     
  • OURO

    1.763,90
    -10,90 (-0,61%)
     
  • BTC-USD

    35.327,25
    -452,18 (-1,26%)
     
  • CMC Crypto 200

    888,52
    -51,42 (-5,47%)
     
  • S&P500

    4.166,45
    -55,41 (-1,31%)
     
  • DOW JONES

    33.290,08
    -533,37 (-1,58%)
     
  • FTSE

    7.017,47
    -135,96 (-1,90%)
     
  • HANG SENG

    28.801,27
    +242,68 (+0,85%)
     
  • NIKKEI

    28.964,08
    -54,25 (-0,19%)
     
  • NASDAQ

    14.017,75
    -138,50 (-0,98%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,0361
    +0,0736 (+1,23%)
     

Americanas reduz prazo e entregará produtos da China em 11 dias

·1 minuto de leitura
GLóRIA DE DOURADOS, BRAZIL - 2020/09/15: The Lojas Americanas logo on the facade of a store in Dourados, Mato Grosso do Sul. (Photo by Rafael Henrique/SOPA Images/LightRocket via Getty Images)
No site da Americanas, dá para comprar produtos de 50 países diferentes (Rafael Henrique/SOPA Images/LightRocket via Getty Images)
  • Prazo de entrega de produtos da China pela Americanas será reduzido para 11 dias

  • Com o Americanas Mundo, dá para comprar em 50 países

  • Vendas internacionais aumentaram 170% em 2020

A Americanas anunciou que o prazo de entrega para produtos vindos da China será reduzido de 21 para 11 dias na próxima semana. Além disso, o cliente terá direito a rastrear o pedido até a chegada na casa dele. As informações são da Exame.

Leia também:

Para garantir essa redução no prazo, a companhia precisou garantir a ampliação da operação. Assim, serão disponibilizados mais cinco voos semanais vindos da China para São Paulo. 

Segundo o diretor financeiro da plataforma digital da Americanas, Marcelo Nunes, o prazo de recebimento é um fator importante na hora de o cliente fazer a compra. Nunes diz que o foco da empresa está “em aprimorar a jornada de compra de produtos internacionais na plataforma e reduzir ainda mais o prazo de entrega, que já caiu pela metade desde o início do ano".

Americanas Mundo

Esse tipo de entrega internacional pela companhia começou a ser possível em 2019, com o Americanas Mundo, que teve um aumento de GMV (Volume Bruto de Mercadorias, em português) Total de 170% no ano passado. Com essa operação, é possível comprar produtos de 50 países diferentes.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos