Mercado fechará em 2 h 49 min
  • BOVESPA

    125.627,76
    +1.015,73 (+0,82%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.171,45
    +260,92 (+0,51%)
     
  • PETROLEO CRU

    72,40
    +0,75 (+1,05%)
     
  • OURO

    1.801,50
    +1,70 (+0,09%)
     
  • BTC-USD

    40.207,51
    +2.577,18 (+6,85%)
     
  • CMC Crypto 200

    941,49
    +11,56 (+1,24%)
     
  • S&P500

    4.397,19
    -4,27 (-0,10%)
     
  • DOW JONES

    34.940,99
    -117,53 (-0,34%)
     
  • FTSE

    7.016,63
    +20,55 (+0,29%)
     
  • HANG SENG

    25.473,88
    +387,45 (+1,54%)
     
  • NIKKEI

    27.581,66
    -388,56 (-1,39%)
     
  • NASDAQ

    14.998,50
    +50,75 (+0,34%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1048
    -0,0036 (-0,06%)
     

AMD encerra repentinamente suporte ao Windows 7 e placas HD 7000, RX 200 e 300

·2 minuto de leitura

Após meses de muita expectativa, a AMD disponibilizou nesta semana o FidelityFX Super Resolution, tecnologia de upscaling de imagem concorrente do DLSS da Nvidia, ainda que haja diferenças significativas no funcionamento e disponibilidade de ambos. A novidade chegou às placas de vídeo Radeon RX 500, RX 5000 e RX 6000 através de um update dos drivers da empresa, sendo compatível com sete títulos no momento.

A atualização trouxe ainda uma surpresa não muito agradável — com a nova versão de software, a AMD encerrou oficialmente o suporte a três famílias de GPUs mais antigas, nas versões para desktop e notebook, bem como ao Windows 7. A mudança chega pouco depois de medida parecida da rival do time verde, mas de maneira menos suave aos usuários.

AMD encerra suporte às linhas Radeon HD 7000, RX 200 e RX 300

O anúncio foi feito através da página oficial da AMD para acompanhamento de atualizações, e engloba a maior parte das placas baseadas na microarquitetura GCN, antecessora da RDNA 1, incluindo modelos para notebooks e chips gráficos integrados. Também foi removido o suporte ao Windows 7 — que já havia deixado de ser suportado pela Microsoft em janeiro do ano passado.

A lista engloba placas de vídeo, GPUs integradas e modelos para notebooks (Imagem: Reprodução/AMD)
A lista engloba placas de vídeo, GPUs integradas e modelos para notebooks (Imagem: Reprodução/AMD)

Segundo a companhia, a medida visa redirecionar os recursos de desenvolvimento para placas mais modernas, como os modelos das famílias RX 5000 e RX 6000, ou mesmo das mais populares RX 400 e RX 500. Você confere a lista completa dos chips que entraram em status Legacy na tabela acima.

Mudança repentina foi surpresa desagradável

É comum que as empresas deixem de atualizar hardware mais antigo, mas como notam os sites WCCFTech e TechSpot, o processo realizado pela AMD foi muito abrupto. Os proprietários das placas que entraram em status Legacy não foram avisados antecipadamente para poderem se preparar, algo ainda mais delicado diante da escassez de componentes e dos preços astronômicos que atingem as placas de vídeo.

A Radeon HD 7970 é uma das placas a perder suporte com o último update dos drivers (Imagem: Reprodução/WCCFtech)
A Radeon HD 7970 é uma das placas a perder suporte com o último update dos drivers (Imagem: Reprodução/WCCFtech)

Como discutido anteriormente, a Nvidia também deixou de suportar o Windows 7 e um número significativo de placas baseadas na microarquitetura Kepler das famílias GT 600 e GT 700. Felizmente, a fabricante anunciou a mudança com antecedência, e irá liberar mais uma atualização antes de realmente encerrar o suporte.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech:

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos