Mercado fechará em 4 h 51 min

Amazon Prime, pacote com frete grátis e streaming, chega ao Brasil

Foto: REUTERS/Clodagh Kilcoyne

A Amazon anunciou nesta terça-feira (10) o lançamento do serviço de assinatura Prime no Brasil. Por R$ 9,90 ao mês, o usuário tem acesso a milhões de produtos com frete grátis, vídeo e música por streaming e descontos exclusivos.

SIGA O YAHOO FINANÇAS NO INSTAGRAM

Além do frete grátis, o pacote de R$ 9,90 por mês ou de R$ 89 por ano inclui o Prime Vídeo, rival da Netflix; o Prime Music, rival do Spotify; o Prime Reading, que inclui revistas digitais da editora Abril e centenas de ebooks; e o Twitch Prime, de games.

Leia também

O frete grátis vale para todo o País, mas apenas para produtos disponíveis no centro de distribuição da Amazon em São Paulo - não vale para produtos do marketplace. Além disso, assinantes do Prime em mais de 90 municípios recebem entregas em 48 horas.

-> Clique para saber mais e assinar o Amazon Prime

Paralelamente a isso, a empresa lançou no Brasil também o Amazon Music Unlimited, que é diferente do Amazon Prime Music incluído no novo pacote. O Music Unlimited é um serviço de assinatura de músicas por streaming com um catálogo maior (50 milhões, contra 2 milhões do serviço incluído no pacote de R$ 9,90).

O Music Unlimited custa R$ 16,90 por mês no plano individual e R$ 25,90 por mês no plano familiar. A diferença, além do número de faixas, é que o Prime Music está disponível apenas para assinantes do Prime e não pode ser adquirido “por fora”.

A iniciativa desponta como o movimento mais incisivo da gigante norte-americana desde que chegou ao país desde 2012, inicialmente com a venda de livros e nos últimos dois anos ampliando abrindo gradualmente a plataforma para venda de eletrônicos, roupas e itens esportivos.

"Fomos tão rápidos quanto possível e tão devagar quanto necessário", disse à Reuters o vice-presidente internacional de Amazon Prime da companhia, Jamil Ghani.

Profissionais vinham apontando a infraestrutura logística e aspectos tributários locais como alguns dos maiores desafios que a Amazon teve que superar antes de deslanchar uma oferta mais completa de produtos e serviços no Brasil.

Na expectativa da ofensiva da Amazon, rivais locais como Magazine Luiza, B2W, Via Varejo e até o Mercado Livre têm ampliado investimentos em tecnologia e logística para fazer ofertas de prazos cada vez mais reduzidos de entregas.

O presidente da Amazon no Brasil, Alex Szapiro, minimizou o foco na concorrência, preferindo enfatizar a atenção da companhia em desenvolver um pacote adequado à demanda dos consumidores locais.

"Nosso foco é o cliente, o Brasil tem 210 milhões de pessoas e acho que todos eles podem ser nossos clientes", afirmou Szapiro.

* Com informações da Reuters

** O time de compras do Yahoo está comprometido em fazer a melhor curadoria possível de produtos que façam sentido para a sua vida - tudo isso com os melhores preços possíveis, é claro. Uma parte do lucro pode ser convertida para o site