Mercado abrirá em 9 h 20 min
  • BOVESPA

    129.264,96
    +859,61 (+0,67%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.315,69
    -3,88 (-0,01%)
     
  • PETROLEO CRU

    73,75
    +0,09 (+0,12%)
     
  • OURO

    1.789,20
    +6,30 (+0,35%)
     
  • BTC-USD

    33.076,22
    -1.800,23 (-5,16%)
     
  • CMC Crypto 200

    799,61
    -50,74 (-5,97%)
     
  • S&P500

    4.224,79
    +58,34 (+1,40%)
     
  • DOW JONES

    33.876,97
    +586,89 (+1,76%)
     
  • FTSE

    7.062,29
    +44,82 (+0,64%)
     
  • HANG SENG

    28.517,61
    +28,61 (+0,10%)
     
  • NIKKEI

    28.822,28
    +811,35 (+2,90%)
     
  • NASDAQ

    14.136,50
    +6,50 (+0,05%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    5,9788
    +0,0035 (+0,06%)
     

Amazon lança serviço de farmácia online para mercado dos EUA

·1 minuto de leitura
Um novo serviço da Amazon Pharmacy permitirá aos consumidores americanos solicitar receitas diretamente no site ou aplicativo da gigante do comércio eletrônico

A Amazon anunciou nesta terça-feira (17) o lançamento de uma farmácia online para consumidores americanos, que poderão solicitar medicamentos receitados diretamente em seu site ou no aplicativo para celular da gigante do comércio eletrônico.

A iniciativa é implementada dois anos depois de a Amazon adquirir a PillPack, uma farmácia na Internet que oferece embalagens de doses pré-selecionadas e entrega à domicílio.

"Desenvolvemos a Amazon Pharmacy para priorizar os clientes, levando a obsessão do cliente da Amazon para uma indústria que pode ser incômoda e confusa", expressou TJ Parker, vice-presidente da nova unidade.

"Trabalhamos duro nos bastidores para administrar as complicações sem contratempos, de modo que qualquer pessoa que precise de uma receita possa compreender suas opções, fazer seu pedido com o preço mais baixo disponível e receber seu medicamento rapidamente", explicou.

Rumores de que a Amazon estaria interessada no negócio das farmácias existem há tempo, e a entrada de um novo e poderoso jogador poderia abalar este mercado dominado por grandes redes americanas, como CVS e Walgreens.

Um comunicado da Amazon destacou que a PillPack continuaria operando como uma unidade distinta dentro da Amazon Pharmacy para os clientes que usam o serviço.

A gigante dos EUA também garantiu que cumprirá com as leis de privacidade da saúde dos Estados Unidos e que não oferecerá certos medicamentos controlados, como os opióides.

bur-rl/bgs/llu/yo/aa

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos