Mercado abrirá em 1 h 12 min

Amazon contrata executivos para criar séries originais no Brasil

Wagner Wakka

A Amazon pode estar iniciando um projeto de produção de séries no Brasil para o Prime Video. Pelo menos é o que indica uma vaga para produtor executivo no site da empresa. A descrição do trabalho aponta para um cargo no país, para produção de conteúdo audiovisual, alocado em São Paulo, para falantes fluentes de português.

Ainda pela postagem, a companhia relata que está crescendo como uma empresa de entretenimento. “A Amazon está expandindo o modo como pensamos sobre conteúdo e seguindo em séries não-roteirizadas”. O termo usado aqui em inglês é “unscripted television” para o formato que, dentro do meio, pode ser interpretado como reality shows ou mesmo programas de concursos de talentos como Master Chef e The Voice; ou até documentários.

Nas qualificações, ela aponta quais são essas categorias de produções não-roteirizadas: “por exemplo, competições, documentários sequenciais, programas de celebridade, estilo de vida e esportivo”.

Descrição da vaga no site da Amazon (Foto: Captura/Canaltech)

A empresa também está buscando alguém para “produções sazonais” de conteúdos deste tipo para o México e América Latina. Ela também está com cargo aberto para gerente de conteúdos originais no Brasil. Contudo, a proposta é que este funcionário faça apenas a organização de contratos com empresas terceirizadas para o nosso país.

Assim, a vaga de produção-executiva denota que ela está interessada em fazer seu próprio conteúdo e não somente comprar de produtoras locais.

Para tal função, a Amazon procura alguém com mais de 8 anos de mercado e,c laro, com experiência neste tipo de entretenimento. É preciso também saber lidar com orçamento e cronograma além de já ter feito algo para América Latina.

Apesar disso, a empresa ainda não confirmou se está produzindo algo para o Brasil, mas isso indica que ela tem planos para começar. O Canaltech entrou em contato com a assessoria de imprensa da Amazon para saber mais sobre projetos locais e aguarda resposta. Atualizaremos essa notícia assim que eles se manifestarem.


Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: