Mercado abrirá em 1 h 22 min
  • BOVESPA

    119.646,40
    -989,99 (-0,82%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    45.125,71
    -369,70 (-0,81%)
     
  • PETROLEO CRU

    52,87
    -0,44 (-0,83%)
     
  • OURO

    1.869,80
    +3,30 (+0,18%)
     
  • BTC-USD

    32.741,26
    -760,84 (-2,27%)
     
  • CMC Crypto 200

    650,35
    -50,26 (-7,17%)
     
  • S&P500

    3.851,85
    +52,94 (+1,39%)
     
  • DOW JONES

    31.188,38
    +257,86 (+0,83%)
     
  • FTSE

    6.744,74
    +4,35 (+0,06%)
     
  • HANG SENG

    29.927,76
    -34,71 (-0,12%)
     
  • NIKKEI

    28.756,86
    +233,60 (+0,82%)
     
  • NASDAQ

    13.347,75
    +53,50 (+0,40%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4129
    +0,0049 (+0,08%)
     

Amazon compra startup de carros autônomos por US$ 1,2 bi

Marcus Couto
·2 minuto de leitura
Aicha Evans, CEO da Zoox. (Foto: MARK RALSTON/AFP via Getty Images)
Aicha Evans, CEO da Zoox. (Foto: MARK RALSTON/AFP via Getty Images)

A gigante do comércio eletrônico Amazon continua expandindo seus campos de atuação. O último grande negócio da empresa, propriedade do homem mais rico do mundo, Jeff Bezos, é a compra da startup de carros autônomos Zoox. Segundo o Financial Times, o negócio foi fechado pela cifra de US$ 1,2 bilhão.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Finanças no Google News

Essa não é a primeira vez que a Amazon investe em tecnologias de veículos autônomos. Ela já colocou dinheiro no projeto Aurora e também desenvolve suas próprias soluções de drones de entregas para cargas pequenas.

Leia também

A Zoox é diferente pois desenvolve um “pacote completo” de veículos autônomos, com objetivo final de oferecer um serviço de “táxi autônomo” no modelo da Uber e da 99, mas equipada com tecnologia de inteligência artificial que dispensaria motoristas humanos. A Zoox planeja inclusive fabricar seus próprios veículos, e por isso seus planos são considerados altamente ambiciosos por analistas de tecnologia.

Aparentemente, é esse tipo de ambição que interessa a Amazon, que desembolsou US$ 1,2 bilhão pela startup, fundada em 2014 e cuja atual CEO, Aicha Evans, veio da Intel. A Zoox continuará operando de forma independente à Amazon.

Assim, a nova jogada de Bezos coloca os concorrentes em alerta. Se a empresa for bem sucedida em seus planos, ela poderia se colocar em um lugar vantajoso para concorrer com outras grandes empresas do setor, como a Uber e a Lyft.

Siga o Yahoo Finanças no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube e aproveite para se logar e deixar aqui abaixo o seu comentário