Mercado fechado
  • BOVESPA

    106.363,10
    -56,43 (-0,05%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.714,60
    -491,99 (-0,94%)
     
  • PETROLEO CRU

    81,71
    -0,95 (-1,15%)
     
  • OURO

    1.795,90
    -2,90 (-0,16%)
     
  • BTC-USD

    58.355,99
    -2.380,26 (-3,92%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.394,71
    -79,62 (-5,40%)
     
  • S&P500

    4.551,68
    -23,11 (-0,51%)
     
  • DOW JONES

    35.490,69
    -266,19 (-0,74%)
     
  • FTSE

    7.253,27
    -24,35 (-0,33%)
     
  • HANG SENG

    25.628,74
    -409,53 (-1,57%)
     
  • NIKKEI

    28.757,80
    -340,44 (-1,17%)
     
  • NASDAQ

    15.612,25
    +25,00 (+0,16%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4193
    -0,0054 (-0,08%)
     

Alvean vê açúcar da Índia com mais peso no mercado global

·2 minuto de leitura

(Bloomberg) -- O açúcar da Índia pode se tornar mais importante para o mercado global no próximo ano diante dos problemas que afetam a produção do Brasil e da Tailândia, os maiores exportadores, segundo a trading Alvean.

Most Read from Bloomberg

A produção brasileira foi prejudicada pela seca e geadas, e não será fácil recuperar os volumes de moagem de cana na região Centro-Sul em 2022-23, disse Eric Cheng, chefe regional da Ásia na Alvean. Há um risco extra de perdas de safra no próximo ano se o clima for mais úmido do que o normal por causa do evento climático La Niña, disse.

Os futuros do açúcar bruto são negociados com estabilidade desde agosto, depois de atingir uma máxima em quatro anos com o possível impacto do clima adverso no Brasil nos suprimentos globais. Embora a Índia exporte menos do que o Brasil e a Tailândia, o mercado segue de perto a oferta do país, e alguns exportadores indianos agora esperam que os preços globais subam ainda mais.

“A Índia assumirá o controle dos preços do açúcar no próximo ano”, disse Cheng durante seminário online organizado pela Indian Sugar Mills Association na terça-feira. Os preços em Nova York precisarão ser negociados com prêmio em relação à paridade de exportação de equilíbrio da Índia para que as exportações indianas sejam maximizadas, disse.

A produção na Tailândia deve ficar próxima a 9,5 milhões de toneladas em 2021-22, em comparação com 10,5 milhões de toneladas previstas por muitos no mercado, disse Cheng. Apesar das melhores condições climáticas neste ano, o plantio no final de 2020 foi comprometido pela seca, destacou.

Com a oferta global de açúcar mais restrita, os preços domésticos nos principais mercados têm aumentado, favorecendo as importações e fornecendo suporte ao prêmio do açúcar branco, disse Cheng.

Most Read from Bloomberg Businessweek

©2021 Bloomberg L.P.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos