Mercado abrirá em 2 h 11 min
  • BOVESPA

    120.294,68
    +997,55 (+0,84%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    48.329,84
    +826,13 (+1,74%)
     
  • PETROLEO CRU

    62,81
    -0,34 (-0,54%)
     
  • OURO

    1.746,10
    +9,80 (+0,56%)
     
  • BTC-USD

    62.526,52
    -1.109,05 (-1,74%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.364,89
    -10,89 (-0,79%)
     
  • S&P500

    4.124,66
    -16,93 (-0,41%)
     
  • DOW JONES

    33.730,89
    +53,62 (+0,16%)
     
  • FTSE

    6.968,07
    +28,49 (+0,41%)
     
  • HANG SENG

    28.793,14
    -107,69 (-0,37%)
     
  • NIKKEI

    29.642,69
    +21,70 (+0,07%)
     
  • NASDAQ

    13.876,00
    +77,25 (+0,56%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,7682
    -0,0047 (-0,07%)
     

Algumas marcas de álcool gel nos EUA contêm elemento cancerígeno

Anna Edney
·3 minuto de leitura

(Bloomberg) -- Algumas marcas de álcool gel amplamente disponíveis e compradas por consumidores dos Estados Unidos no ano passado contêm altos níveis de uma substância química conhecida por causar câncer, segundo análise de uma empresa de testes.

Uma variedade de marcas de higienizante de mãos que inundaram o mercado depois que as mais conhecidas desapareceram das lojas contêm altos níveis de benzeno, de acordo com a Valisure, uma farmácia online com sede em New Haven, Connecticut, que testa a qualidade e a consistência dos produtos.

Segundo o Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos EUA, o benzeno causa câncer. O braço de pesquisa do câncer da Organização Mundial da Saúde coloca a substância na categoria de maior risco, ao lado do amianto.

A Valisure analisou 260 frascos de 168 marcas e descobriu que 17% das amostras continham níveis detectáveis de benzeno. Vinte e um frascos, ou 8%, continham benzeno acima de duas partes por milhão, um limite temporário que a FDA, que regula alimentos e fármacos nos EUA, estabeleceu para higienizantes líquidos de mãos para aliviar a falta do produto.

Esse nível “pode ser tolerado por um período relativamente curto”, disse a FDA em junho. Quinze marcas estavam entre os 21 frascos com maior nível de contaminação. As amostras vieram de lojas próximas da sede da empresa e varejistas online, disse a Valisure.

Incentivados por políticos e autoridades de saúde a lavarem as mãos, consumidores esgotaram rapidamente marcas conhecidas como Purell e Suave. Embora essas marcas, como a maioria das testadas, não contenham níveis inseguros de benzeno, muitos novos concorrentes continham, de acordo com a Valisure. Alguns desses higienizantes contaminados estavam à venda na Amazon.com e Target.

A maioria das marcas que a Valisure encontrou e testou eram de álcool gel. Os resultados dos testes da farmácia foram verificados pela Centro de Instrumentação Química e Biofísica da Universidade Yale e pelo Boston Analytical, um laboratório privado. Na quarta-feira, a Valisure pediu medidas da FDA sobre os produtos contaminados.

Marcas de higienizantes de mãos com frascos testados e com níveis mais altos de benzeno identificados pela Valisure

Câncer no sangue

“Essas descobertas são alarmantes e revelam um sério risco potencial para a saúde pública”, disse a Valisure em petição assinada pelo CEO David Light e outros executivos. A farmácia já havia encontrado altos níveis de outros carcinógenos em componentes de medicamentos fabricados no exterior para o mercado dos Estados Unidos.

Não está claro por que os produtos contêm benzeno, que pode ter sido introduzido durante o processo de fabricação, quando o álcool é purificado, disse a Valisure.

Ligações e e-mails para fabricantes e varejistas com pedidos de comentário não foram retornados na parte da manhã nos EUA. A Walt Disney, que transmite a série “The Mandalorian”, na qual o personagem Baby Yoda aparece, não respondeu de imediato a um pedido de comentário.

O benzeno tem sido associado a certos cânceres no sangue, como as leucemias. A fumaça do cigarro é responsável por cerca da metade da exposição ao benzeno nos EUA, de acordo com a Sociedade Americana do Câncer. Trabalhadores em certas indústrias químicas correm risco de exposição ao material, que é usado na fabricação de plásticos e borracha.

For more articles like this, please visit us at bloomberg.com

Subscribe now to stay ahead with the most trusted business news source.

©2021 Bloomberg L.P.