Mercado abrirá em 5 h 11 min
  • BOVESPA

    101.915,45
    -898,58 (-0,87%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    49.698,72
    -97,58 (-0,20%)
     
  • PETROLEO CRU

    68,60
    +2,42 (+3,66%)
     
  • OURO

    1.788,70
    +12,20 (+0,69%)
     
  • BTC-USD

    57.058,03
    +620,95 (+1,10%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.469,81
    +27,04 (+1,87%)
     
  • S&P500

    4.567,00
    -88,27 (-1,90%)
     
  • DOW JONES

    34.483,72
    -652,22 (-1,86%)
     
  • FTSE

    7.059,45
    -50,50 (-0,71%)
     
  • HANG SENG

    23.753,37
    +278,11 (+1,18%)
     
  • NIKKEI

    27.935,62
    +113,86 (+0,41%)
     
  • NASDAQ

    16.393,25
    +242,75 (+1,50%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,3940
    +0,0240 (+0,38%)
     

Alec Baldwin não sabia que arma estava carregada com munição real, diz polícia

·3 min de leitura

Antes do acidente que matou a diretora de fotografia do filme "Rust", o ator Alec Baldwin recebeu uma arma carregada de um assistente de direção que disse que era seguro usá-la, segundo os registros da ocorrência divulgados nesta sexta-feira pelo "The Hollywood reporter". O funcionário, porém, não sabia que a arma estava carregada com munição real, de acordo com um mandado de busca apresentado em um tribunal de Santa Fé. Halyna Hutchins levou um tiro no peito enquanto estava no set de filmagem, e o diretor Joel Souza, que estava atrás dela, ficou ferido.

A polícia de Santa Fé obteve o mandado nesta sexta-feira para que os investigadores pudessem documentar a cena do rancho onde o tiroteio ocorreu. Eles procuraram como prova o traje manchado de sangue usado por Baldwin no filme, assim como a arma que foi disparada e outras que existiam no local e qualquer filmagem que existia.

De acordo com os registros, a arma que causou a morte da diretora foi uma das três que a armeira do filme, Hannah Gutierrez, colocou em um carrinho onde uma cena estava sendo interpretada. O diretor assistente Dave Halls pegou a arma e a levou para Baldwin, sem saber que estava carregada com munição real, escreveu um detetive no pedido de mandado de busca e apreensão.

Mais cedo, Baldwin descreveu a morte de Halyna como um trágico acidente.

“Não há palavras para expressar meu choque e tristeza em relação ao trágico acidente que tirou a vida de Halyna Hutchins, esposa, mãe e colega nossa profundamente admirada. Estou cooperando totalmente com a investigação policial ”, escreveu Baldwin no Twitter, completando: "Meu coração está partido por seu marido, seu filho e por todos que conheciam e amavam Halyna."

A polícia entrevistou as pessoas presentes no set para entender o que de fato ocorreu e afirmou que não havia entrado com acusação contra ninguém da equipe. Após o depoimento, o ator foi visto chorando na entrada da delegacia.

“Estamos tentando determinar, agora, como e que tipo de projétil foi usado na arma de fogo”, disse o delegado.

Halyna chegou a ser levada de avião para o Hospital da Universidade do Novo México, em Albuquerque, mas não resistiu aos ferimentos. Souza foi encaminhado ao Centro Médico Regional Christus St. Vicent, em Santa Fé.

Problemas na equipe

Parece que o clima já não era dos melhores no set de "Rust", antes mesmo do disparo acidental de arma de fogo feito por Alec Baldwin que matou a diretora de fotografia Halyna Hutchins. Segundo uma mensagem compartilhada pela brasileira Amanda Petrone, que foi assistente de fotografia de Hutchins no longa "Archenemy", parte da equipe de filmagem já havia pedido demissão do projeto por falta de segurança no set, incluindo "pouca segurança com armas", entre outros problemas.

O relato que Petrone compartilhou seria de um dos câmeras que trabalhavam no filme. Na mensagem, ele também diz que houve falta de pagamento e descuido em relação à Covid-19.

"Nós escrevemos sobre esse exato assunto ontem à noite e saímos (das filmagens) hoje de manhã. Isso não está em nenhum dos jornais. Chamaram quatro pessoas não sindicalizadas para nos substituir e tentaram colocar a polícia contra nós", diz a mensagem.

Em uma nota divulgada, a produtora do filme, Rust Movie Productions LLC, afirmou que "todo o elenco estava devastado pela tragédia de hoje".

"Nós enviamos nossas condolências mais profundas condolências à família e os entes queridos de Halyna", disse a nota, completando: "Interrompemos a produção do filme por tempo indeterminado e estamos cooperando totalmente com a investigação do Departamento de Polícia de Santa Fé. Estamos providenciando aconselhamento psicológico a todos os envolvidos na produção do filme enquanto nos esforçamos para enfrentar esse terrível acontecimento"..

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos