Mercado fechado
  • BOVESPA

    129.441,03
    -634,97 (-0,49%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    51.286,46
    +400,16 (+0,79%)
     
  • PETROLEO CRU

    70,83
    -0,08 (-0,11%)
     
  • OURO

    1.874,00
    -5,60 (-0,30%)
     
  • BTC-USD

    39.087,38
    +3.536,50 (+9,95%)
     
  • CMC Crypto 200

    978,99
    +37,17 (+3,95%)
     
  • S&P500

    4.247,44
    +8,26 (+0,19%)
     
  • DOW JONES

    34.479,60
    +13,40 (+0,04%)
     
  • FTSE

    7.134,06
    +45,88 (+0,65%)
     
  • HANG SENG

    28.842,13
    +103,23 (+0,36%)
     
  • NIKKEI

    29.090,07
    +141,34 (+0,49%)
     
  • NASDAQ

    14.015,00
    +20,75 (+0,15%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,1904
    -0,0022 (-0,04%)
     

AirPods Pro explodem durante recarga com carregador certificado pela Apple

·1 minuto de leitura

Nenhuma empresa está totalmente isenta de vender produtos com algum defeito de fabricação, mesmo quando têm um rigoroso controle de qualidade como a Apple. A prova disso está nos vários casos de eletrônicos da Maçã que apresentam problemas, geralmente solucionados pelo pós-venda da companhia.

Um usuário da Coreia do Sul está no aguardo da resposta da companhia para um problema grave que enfrentou com seu AirPods Pro. O fone de ouvido simplesmente explodiu enquanto carregava com o cabo original, danificando todo o lado esquerdo do estojo de transporte, além de não ter sobrado nada de um dos lados do fone para contar a história, além da ponteira, que ficou grudada no case.

A empresa foi contactada para verificar o problema, mas ainda não respondeu. Segundo o usuário, foi utilizado um adaptador de parede da Baseus, modelo UM2 PD, além do cabo original que acompanha o fone de ouvido. O acessório é certificado pela Apple.

O usuário disse que só sofreu um pequeno ferimento na mão, mas nada grave. Veja a galeria de fotos publicada pelo próprio em um fórum coreano:

Produtos eletrônicos não explodem com frequência, se você considerar a quantidade produzida todos os dias. A Apple tem um histórico razoável de resolução de casos, mas também já chegou a ser processada por um usuário que alegou ter sido ignorado pela empresa após seu iPhone X explodir dentro do bolso.

Fonte: Canaltech

Trending no Canaltech: