Mercado abrirá em 3 h 47 min
  • BOVESPA

    114.428,18
    -219,81 (-0,19%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    52.686,03
    -112,35 (-0,21%)
     
  • PETROLEO CRU

    83,15
    +0,71 (+0,86%)
     
  • OURO

    1.782,10
    +16,40 (+0,93%)
     
  • BTC-USD

    62.103,89
    +297,27 (+0,48%)
     
  • CMC Crypto 200

    1.453,08
    +1,45 (+0,10%)
     
  • S&P500

    4.486,46
    +15,09 (+0,34%)
     
  • DOW JONES

    35.258,61
    -36,15 (-0,10%)
     
  • FTSE

    7.206,16
    +2,33 (+0,03%)
     
  • HANG SENG

    25.754,86
    +345,11 (+1,36%)
     
  • NIKKEI

    29.215,52
    +190,06 (+0,65%)
     
  • NASDAQ

    15.312,00
    +21,50 (+0,14%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,4123
    +0,0208 (+0,33%)
     

Airbus A380, maior avião do mundo, volta a voar no Brasil

·1 minuto de leitura

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - O maior avião de passageiros do mundo, o Airbus A380, voltará a circular no Brasil a partir de 31 de outubro, segundo a Emirates, única companhia aérea que opera com a aeronave no país.

A operação do avião de dois andares será retomada com voos diários entre São Paulo e Dubai pela primeira vez desde março de 2020, quando os voos de passageiros foram suspensos por causa da pandemia.

A Emirates já tinha voltado a operar no Brasil em agosto de 2020, mas com outro modelo de aeronave. Agora, reativa o A380, um avião que pode acomodar 489 a 615 passageiros, e chama a atenção pela elevação da oferta de assentos no momento em que o mercado de voos internacionais ainda se recupera.

O A380 é uma aeronave ainda jovem na trajetória da indústria, mas fez barulho quando foi apresentado pela Airbus ao mercado em 2005 e depois, em 2019, quando a fabricante europeia anunciou que encerraria a produção após a Emirates, maior cliente do Super Jumbo, reduzir os pedidos do modelo para substituir pelos menores e mais econômicos A350 e A330neo.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos