Mercado fechará em 4 h 30 min

Agenda do Dia: Cemig; Grupo Caoa; Eletrobras; Petrobras; Petrorio

Juliano Passaro
Agenda do Dia: Cemig; Grupo Caoa; Eletrobras; Petrobras; Petrorio

Os assuntos da Agenda do Dia desta terça-feira (14) prometem mexer com o mercado interno e o externo.

A elétrica mineira Cemig anunciou uma troca na sua gestão na última segunda-feira (13). A Eletrobras (ELET3) informou ao mercado que concluiu a venda de 49% da Centroeste para a Cemig (CMIG4)

A Agenda do Dia conta também com a notícia sobre o Grupo Caoa, que desistiu de comprar uma fábrica da Ford em São Bernardo do Campo

Confira os principais pontos da Agenda do Dia:

Cemig

O cargo de presidente da Cemig(CMIG3) foi ocupado na última segunda-feira (13) por Reynaldo Passanezi. O executivo era presidente da transmissora Isa Cteep. Ele ficará no lugar de Cledorvino Belini, com o propósito de aumentar o programa de desinvestimentos da companhia e criar medidas que possam ajudar na privatização da empresa.

Grupo Caoa

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), afirmou, na última segunda-feira (13), que o Grupo Caoa desistiu de comprar a fábrica da Ford em São Bernardo do Campo, em São Paulo. O governador salientou que existem outras duas empresas que estudam a aquisição da unidade.

De acordo com o governador de São Paulo, a Caoa decidiu investir em uma nova fábrica da indústria automobilística chinesa que será construída em São Paulo. Dória afirmou que a distribuidora de automóveis deverá anunciar o novo investimento ainda neste ano.

Eletrobras

A Eletrobras (ELET3) informou o mercado, na última segunda-feira (13), por meio do fato relevante que concluiu a venda de 49% da Centroeste para a Cemig (CMIG4) pelo valor de R$ 44,7 milhões.

A venda da Eletrobras foi aprovada pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) no dia 18 de abril de 2019. A compra da Centroeste foi homologada em janeiro do ano passado e representa uma das iniciativas vinculadas ao Plano Diretor de Negócios e Gestão.

Petrobras

A Petrobras (PETR3) pode demitir mil funcionários em Araucária, no Paraná, por conta do possível fechamento de uma fábrica de fertilizantes. De acordo com o diretor do Sindiquímica Paraná, Caio Rocha, a empresa ainda não se posicionou sobre o futuro do negócio.

Petrorio

A Petro Rio S.A. (PRIO3) comunicou, na última segunda-feira (13), que realizou um aumento no seu capital social, de R$ 10 milhões, com a emissão de 1,49 milhão de novas ações ordinárias. Segundo a petroleira, o capital social da empresa foi do montante de R$ 3,45 bilhões para R$ 3,46 bilhões.

Marfrig e Minerva

A Marfrig Global Foods (MRFG3) e a Minerva Foods receberam, na última segunda-feira (13), habilitação da Arábia Saudita para exportarem carne bovina produzida no Uruguai. As informações são do Broadcast.

“A Marfrig confirma que teve as suas quatro unidades no Uruguai liberadas para atender o mercado da Arábia Saudita. As unidades são as de Tacuarembó, Salto, San José e Colônia”, informou a Marfrig em nota.

B2W

A B2W Digital comunicou a aquisição da totalidade das ações do SuperNow Portal e Serviços de Internet. A empresa adquirida administra uma plataforma chamada Supermercado Now, que tem como foco o varejo de alimentos via comércio eletrônico. A empresa não informou o valor da negociação no comunicado do R.I.

A Agenda do Dia da Suno mostra os principais acontecimentos que prometem movimentar o mercado durante o dia.