Mercado fechado
  • BOVESPA

    128.405,35
    +348,13 (+0,27%)
     
  • MERVAL

    38.390,84
    +233,89 (+0,61%)
     
  • MXX

    50.319,57
    +116,77 (+0,23%)
     
  • PETROLEO CRU

    71,56
    +0,52 (+0,73%)
     
  • OURO

    1.763,70
    -11,10 (-0,63%)
     
  • BTC-USD

    35.426,40
    -2.248,80 (-5,97%)
     
  • CMC Crypto 200

    879,48
    -60,46 (-6,43%)
     
  • S&P500

    4.166,45
    -55,41 (-1,31%)
     
  • DOW JONES

    33.290,08
    -533,37 (-1,58%)
     
  • FTSE

    7.017,47
    -135,96 (-1,90%)
     
  • HANG SENG

    28.801,27
    +242,68 (+0,85%)
     
  • NIKKEI

    28.964,08
    -54,25 (-0,19%)
     
  • NASDAQ

    14.103,00
    -62,50 (-0,44%)
     
  • BATS 1000 Index

    0,0000
    0,0000 (0,00%)
     
  • EURO/R$

    6,0486
    +0,0861 (+1,44%)
     

Agência Europeia aprova maior período de armazenamento da vacina Pfizer

·2 minuto de leitura
Agência Europeia aprova maior período de armazenamento da vacina Pfizer
Agência Europeia aprova maior período de armazenamento da vacina Pfizer

A vacina contra a Covid-19 Pfizer/BioNTech pode ser armazenada por muito mais tempo do que o recomendado anteriormente, de acordo com informações da Agência Europeia de Medicamentos (EMA).

Antes, o conselho era que a vacina do coronavírus precisava ser mantida em temperatura ultrabaixa, ou seja, entre -70C e -80C, até alguns dias antes do uso, que é quando poderia ser transferida para um refrigerador médico padrão.

A Agência Europeia de Medicamentos informou em um comunicado que estendeu o período de armazenamento aprovado para um frasco não aberto e descongelado, quando mantido em uma geladeira entre 2C e 8C, de cinco dias para um mês.

“A mudança foi aprovada após a avaliação dos dados adicionais do estudo de estabilidade submetidos à EMA pelo titular da autorização de introdução no mercado”, disse a EMA.

Com o aumento da flexibilidade no armazenamento e manuseio da vacina espera-se que tenha um “impacto significativo” no planejamento e na logística da distribuição da vacina nos estados que são membros da União Europeia.

Leia mais:

A decisão acontece dias após a pesquisa sugerir que um intervalo de 12 semanas entre as doses da Pfizer aumenta significativamente a resposta imunológica em pessoas mais velhas. Isso porque a resposta de anticorpos em pessoas com mais de 80 anos é mais de três vezes maior naquelas que recebem a segunda dose, em comparação com um intervalo de três semanas, segundo estudo da University of Birmingham.

O governo do Reino Unido encomendou mais 60 milhões de doses da vacina Pfizer como parte de seus planos para um programa de reforço de vacinação nos próximos meses. Com isso, o número total de doses da Pfizer pedidas pelo Reino Unido para 100 milhões.

Além disso, o objetivo é de que os grupos de pessoas mais vulneráveis, como os idosos, receberão outra injeção.

Fonte: The Guardian

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos